Yahari Ore no Seichun Love Comedy wa Machigatteiru (Oregairu)

001.4 - Mesmo assim, a classe está indo bem.

A campainha tocou, sinalizando o final do quarto período, enviando uma onda de alívio através da sala de aula. Algumas pessoas correram para comprar o almoço, algumas vasculharam ruidosamente suas mesas a procura de seus bentôs {{N/T: Bentô é uma marmita basicamente.}} e o restante foi para outras classes.


Como de costume, a classe F do Segundo Ano foi tomada por uma grande algazarra durante o almoço.

Estava chovendo, então eu me encontrei sem ter para onde ir. Normalmente, eu tenho um lugar perfeito para almoçar, mas eu não estava interessado em tomar chuva enquanto comia.

E assim, deixado sem outra escolha, eu me sentei na sala de aula e comi meu pão, comprado em uma loja de conveniência, em silêncio.

Neste dia chuvoso eu teria gostado de passar esse intervalo do almoço lendo uma novel, mangá ou algo assim, mas eu deixei todos os livros que estou lendo em casa. Talvez eu devesse ter ido buscá-los durante essa pausa de dez minutos.

Eu acho que já é “tarde demais”. Em Inglês seria dito “after the festival”. Não, não, seria “matsuri no ato”!{{N/T: no caso essa expressão “tarde demais” é escrita “ato no matsuri「後の祭り」” que traduzido corretamente ficaria “depois do festival”, passando a ideia de chegar atrasado. Mas se ela for traduzida de forma literal, sem se preocupar com soar bem, ficaria “festival de depois” e por isso é que ele faz uma piada. No japonês as se forma frases pensando de forma diferente do nosso idioma.}}

Sim, eu estou tão entediado que estava fazendo os dois papéis de um ato de comédia por mim mesmo.

Sério, embora……  Eu sempre pensei nisso, mas quando você passa muito tempo sozinho, você apenas descobre que esse tipo de coisa acontece.

Se você está sozinho em casa, você começa a falar sozinho mais e mais.{{Riberiru: isso é verdade.}} Então, você começa a cantar alto para você mesmo. Então, quando sua irmã mais nova chega em casa e você canta 「MOTTO! MOTTn~……  Seja bem vinda!」{{N/T: Letra da música “SKILL” da JAM Project. Essa é a Opening de um game chamado “Dai 2 ji Super Robot Wars α”.}} . Mas, eu ainda não canto na sala de aula.

E, como resultado, eu muitas vezes acabo pensando em coisas.

Em certo sentido, os solitários são mestres do pensamento. Diz-se que o homem é um animal frágil, mas também é um animal pensante e, antes que você perceba, encontra-se pensando em algo. E como os solitários não precisam gastar pensamentos com outras pessoas, eles podem pensar nas coisas ainda mais profundamente. E então, solitários como eu possuem circuitos no cérebro que nos permitem pensar de forma diferente das pessoas normais e isso, algumas vezes, nos permite avançar com as ideias de um modo que vai além da capacidade normal dos seres humanos.

É muito difícil tentar expressar a colossal quantidade de informações do Universo apenas com a fala. É como um computador. Leva tempo até carregar grandes quantidades de dados para os servidores ou enviá-los por e-mail. Essa é a única razão pela qual os solitários tendem a não ter habilidades de conversação.

Mas eu acho que isso nem sempre é uma coisa ruim. Computadores não existem apenas por causa dos e-mails. Há a Internet e o Photoshow também. Então, não acredito que um único ponto de vista seja o bastante para julgar uma pessoa.

Bem, eu usei os computadores como exemplo, mas não é como se eu fosse tão experiente quando se trata de computadores. Se você quer pessoas que entendem bastante de computadores, então você está procurando pelas pessoas que se amontoam na frente da classe.

Aquelas pessoas estavam segurando PSPs e fazendo uma caçada em modo Ad-Hoc. {{Riberiru: As redes ad hoc são redes sem fio que dispensam o uso de um ponto de acesso comum aos computadores conectados a ela, de modo que todos os dispositivos da rede funcionam como se fossem um roteador, encaminhando comunitariamente informações que vêm de dispositivos vizinhos.}} Quais eram os nomes deles mesmo? Oda e Tahara ou algo assim? {{Riberiru: “Oda (小田)” “Tahara (田原)” são escritos de forma parecida e ambos tem o ideograma 田 (ta), por isso ele se confunde.}}

「Ei , usa um martelo ou algo assim cara!」

「Nah, uma lança é tudo o que eu preciso ^^.」

Parece que eles estão se divertindo…… Eu também jogo o game que eles estão jogando, então, se estou sendo honesto, uma parte de mim queria se juntar a eles.

Muito tempo atrás, coisas como mangás, animes e games eram campos dominados pelos solitários. Recentemente, porém, eles se tornaram um outro meio de comunicação e as pessoas que gostam deles, agora, precisam de um certo nível de habilidade de comunicação.

E infelizmente, eu pareço ser uma pessoa meio ignorante o tempo todo, então se eu tentasse me juntar a eles, iriam me chamar de noob ou de fake quando eu não estivesse escutando. Então, o que infernos eu deveria fazer?

Quando eu estava no Ginasial, eu vi algumas pessoas falando sobre animes, então eu tentei me juntar a eles, mas ficou claro que eles se fecharam ao me ver. Foi muito duro para mim…… Foi quando eu passei a parar de tentar me juntar a multidão.

E eu nunca fui do tipo de pessoa que tenta fazer com o que os outros me incluam, então era ainda pior. Quando jogávamos futebol americano ou baseball com toda a classe, os dois garotos mais populares jogavam pedra, papel ou tesoura para decidir quem seria o primeiro a escolher. E eu sempre era o último a ser escolhido, sabia? Quando eu olho para trás, para o meu eu de dez anos de idade, e me lembro de como eu estava, lamentavelmente, nervoso enquanto eles escolhiam as equipes.  Isso quase me faz chorar, sério.

Eu não era fisicamente incapaz, mas foi por isso que eu me tornei ruim em esportes. Eu gostava de baseball, mas não podia encontrar ninguém para jogar comigo. Então, quando eu era jovem, eu sempre jogava com uma parede ou fazia prática de campo comigo mesmo. Eu estava completamente acostumado a jogar baseball sozinho. Eu fingia que haviam pessoas imaginárias no campo ou na área de rebatida.

Mas também haviam pessoas na classe que eram boas na arte da comunicação.

As pessoas que estavam agora mesmo no fundo da classe, por exemplo.

Haviam duas pessoas do time de futebol, três garotos do time de basquete e três garotas.Apenas um olhar para a atmosfera animada que envolvia esse grupo era o bastante para dizer que eles se encontravam no topo da escala social da classe. Falando nisso, a Yuigahama também fazia parte desse grupo.

E mesmo dentro deste grupo, haviam duas pessoas brilhando mais do que todos os outros.

Hayama Hayato.

Esse era o nome da pessoa no centro do grupo. Ele era o melhor jogador do time do futebol e candidato a capitão do time no próximo semestre. Ele não era uma pessoa para quem eu gostava de olhar por muito tempo.

Em outras palavras, ele era um cara bonitão e um falso elegante. Vá para o inferno.

「Não não, não dá pra fazer isso hoje. Eu tenho as atividades do clube pra ir.」

「Você não pode faltar um dia? Hoje eles estão vendendo casquinhas duplas baratas na Satin One. Eu quero uma casquinha dupla de chocolate e cacau.」{{Riberiru: Satin One Ice Cream é uma empresa multinacional que vende doces e são conhecidos assim no Japão, mas no resto do mundo são conhecidos como Baskin Robbins.}}

「Isso não seria apenas chocolate (risos)?」

「Ehhh? Não, eles são completamente diferentes! Além disso, eu estou realmente faminta agora.」

E aquela que levantava a voz era a parceira de Hayama, Miura Yumiko.

Seu cabelo loiro era cacheado e ia até os ombros e quando a via eu me perguntava 「Ela é uma cortesã por acaso?」 por causa também da forma fortemente desleixada que ela vestia seu uniforme. A saia dela era tão curta que eu me questionava 「Tem algum significado em ela usar?」.

Ela tinha feições agradáveis e um belo rosto, mas seu comportamento estúpido e o modo espalhafatoso de se vestir faziam com que eu não gostasse muito dela. Ou melhor, eu realmente tinha medo dela. Era impossível saber o que ela diria a você.

Mas pelo que eu via, Hayama não tinha medo da Miura e, na verdade, pensava que ela fosse uma pessoa divertida de se conversar. É por isso que eu não entendo como os reis e rainhas da escala social pensam. Não importa como você olhe para isso, essa garota, obviamente, só é uma pessoa divertida quando ela está falando com o Hayama. Se eu falasse com ela, então ela iria me matar com um único olhar.

Bem, dito isso, nós realmente não temos nenhum motivo para falarmos um com o outro, então está tudo bem.

Enquanto isso, Hayama e Miura ainda estavam brincando um com o outro.

「Desculpe, mas eu vou passar hoje.」

Hayama disse isso. Ele parecia ter reagrupado. Miura olhou para ele sem entender. E então, Hayama fez uma declaração com um super sorriso de pleno direito no rosto.

「Este ano nós estamos visando o Kokuritsu, afinal!」{{N/T: Kokuritsu 「国立」: Nacional, nesse caso se refere a torneios nacionais}}

Hum? Kokuritsu, não Kunitachi? Então ele não está falando sobre Kunitachi, a parte de Tóquio na qual você pode chegar usando a linha Chuuou, mas sim sobre Kokuritsu? Tipo, o torneio nacional?{{N/T: Kunitachi é escrito com os mesmos ideogramas de Kokuritsu 「国立」. Kunitachi se refere a um lugar específico em Tóquio, “Kunitachi-shi 「国立市」”.}}

「Bhuwah……」

Um sorriso brotou involuntariamente. Já chega, chega dessa aura como se tivessem acabado de dizer alguma coisa legal, porque isso inútil. Absolutamente inútil. É imperdoável.

「Mas, mesmo assim, Yumiko. Se você comer muito, então você irá se arrepender.」

「Cê sabe, eu nunca engordo, não importa o quanto eu coma. Ahh, eu acho que vou ter que ir e comer muito hoje também. Certo, Yui?」

「Ahh, sim, Yumiko com certeza tem um ótimo estilo……  Mas eu tenho planos no momento, então eu vou ter que—」

「Eu sei, certo? Hoje eu vou ir e comer toneladas e toneladas!」

Quando Miura disse isso, risadas irromperam ao redor dela. Pareciam vazias, como o tipo que você adicionaria a um show de comédia. As risadas eram altas e pouco numerosas. Eu quase podia ver uma legenda aparecendo na parte inferior da tela.

Eu não estava tentando escutar a conversa deles nem nada, mas eles estavam sendo tão barulhentos que suas vozes facilmente chegavam até os meus ouvidos. Agora que mencionei isso, otakus ou populares sempre formavam grupos barulhentos. Eu ainda estava sentado no centro da sala, com ninguém ao meu redor, mas todos estavam sendo tão barulhentos. Era como se eu estivesse no olho de um furacão.

Hayama abriu um grande sorriso. Aquele sorriso deixava claro que ele era o centro das atenções, amado por todos.

「Apenas te avisando, não coma até seu estômago explodir.」

「Como. Eu. Disse. Não importa o quanto eu coma, eu ficarei bem! Eu não engordo. Não é verdade Yui?」

「Ahhh, Yumiko realmente tem um estilo incrível. E as pernas dela são tão bonitas. Mas, sério, eu tenho que……」

「Ehh, sério? Mas aquela garota, a Yukinoshita-san, também tem pernas de endoidar, certo?」

「Ah, é verdade. As pernas da Yukinon são uma loucura……」

「……」

「…… Ah, mas, quero dizer, Yumiko realmente se destaca muito mais!」

Quando a Miura franziu as sobrancelhas, a Yuigahama rapidamente tentou se salvar. Que droga. Era como assistir a uma rainha e a sua criada. Ainda assim, não pareceu que a continuação da Yuigahama tenha sido suficiente para restaurar o humor da rainha. Os olhos da Miura estreitaram-se e ela não parecia satisfeita.

「Bem, na verdade, eu acho que está tudo bem afinal. Se for depois do treino, eu posso ir com você.」

Hayama pode ter sentido a atmosfera tensa, pois ele suavemente interviu. A rainha pareceu alegrar-se, sorrindo como se dissesse「Okay então, me envie um e-mail!」.

Yuigahama alisou o peito em furtivo alívio.

Ei ei, isso pareceu realmente doloroso. Nós voltamos para a Idade Média ou algo assim? Se uma boa vida social requer tanto esforço, então eu prefiro ficar sozinhos todos os dias, muito obrigado.

E então, Yuigahama e eu fizemos contato visual. Ela olhou para mim e, então, pareceu se decidir sobre algo. Ela respirou fundo.

「Humm, olha…… tenho que ir a um lugar para almoçar, então……」

「Oh, sério? Nesse caso, certifique-se de comprar algumas coisas quando você voltar, sabe aquele chá de limão? Eu esqueci completamente de trazer uma bebida hoje. E mais, eu estou comendo pão, então fica realmente complicado se eu não tiver nada para beber, certo?」

「A-ah, ma-mas eu posso não estar de volta antes do início do quinto período, então o almoço já vai ter acabado e, umm…… cê sabe……」

Quando a Yuigahama disse isso, o rosto da Miura endureceu em um instante.

Miura parecia ter acabado de ser mordida por um de seus animais de estimação. Yuigahama provavelmente nunca havia respondido a Miura antes e, ainda por cima, hoje, de todos os dias, ela não estava fazendo o que a Miura queria.

「Hum? Espere, espere, o que está acontecendo? Sabe, Yui, você não tem ficado até mais tarde na escola muitas vezes nos últimos dias? Sou só eu, ou você não tem saído muito conosco esses dias?」

「Ah, bem, você sabe, umm, tem algumas coisas com as quais eu estou lidando e, umm, é só uma coisa pessoal e eu realmente sinto muito por isso, mas, umm……」

A Yuigahama estava completamente nervosa, mas ela tentou responder. Que merda hein. Ela era algum tipo de funcionária de um escritório sendo pressionada pelo chefe ou algo parecido.

Entretanto, a resposta da Yuigahama pareceu ter tido o efeito contrário. A Miura começou a bater as unhas na mesa, parecendo irritada.

A repentina explosão de sua rainha silenciou a classe. Até mesmo Oda e Tahara, ou seja lá qual for o nome deles, realmente diminuíram o volume de seus PSPs. Hayama e o grupo variado de peças individuais olharam, desajeitadamente, para o chão.

O único som ecoando pela sala era os barulhos das unhas da Miura batendo na mesa.

「Bem, então eu não deveria saber o que está acontecendo? Se você tem algo a dizer, então vá em frente. Nós somos amigas, não somos? Esconder coisas de suas amigas, você sabe. Não é uma coisa boa, não é?」

A Yuigahama rapidamente olhou para o chão.

A princípio, as palavras da Miura soavam justas e apropriadas. De fato, suas palavras pareciam apenas para reforçar a amizade entre a Yuigahama e ela. Elas eram amigas, companheiras, então elas deveriam compartilhar tudo uma com a outra. Isso é o que a Miura estava dizendo. Mas, suas palavras carregavam uma outra implicação: 「E se você não pode compartilhar isso comigo, então não somos amigas. Na verdade, somos inimigas」. Era a Inquisição Espanhola retornando completamente.{{Riberiru: A Inquisição foi um evento ocorrido na Europa entre o século 12 e o 18 pela igreja católica que visava encontrar e repreender de forma veemente aqueles que eram acusados de serem membros de seitas judaizantes e hereges dentro da igreja. Incrivelmente, esses eram os tribunais mais brandos e justos da época, se comparado aos tribunais populares da Europa.}}

「Me desculpe……」

Yuigahama timidamente se desculpou. Ela ainda estava olhando para o chão.

「Olha, eu não quero um pedido de desculpas. Tem algo que você quer me contar, não tem?」

Não existe uma pessoa sequer no mundo que poderia dizer alguma coisa depois de ser confrontada dessa forma. A Miura não estava tentando criar uma conversa e também não estava fazendo uma pergunta. Ela apenas queria que a Yuigahama se desculpasse para que ela pudesse atacá-la.

Isso era tão estúpido. Se vocês querem se matar desse jeito, ao menos façam isso em um lugar privado.

Virei-me novamente para frente. Então, comecei a comer o meu pão enquanto brincava com meu telefone. Eu mastiguei um pouco e tomei um gole da minha bebida. Mas, por alguma razão senti que havia algo preso em minha garganta e não era o pão.

…… O que era isso, exatamente?

As refeições deveriam ser momentos de bom humor. Como em 『Kodoku no Gourmet』.{{N/T: “Kodoku no Gourmet 『孤独のグルメ』”, em português “Gourmet Solitário”, é uma mangá seinen de 1994.}}

Não é como se eu quisesse de forma alguma ajudar essa garota. É só que quando uma garota que você conhece está à beira das lágrimas bem na sua frente, só isso já faz o seu estômago enjoar e seu apetite acaba. E eu realmente queria aproveitar minha refeição, certo?

Além disso, a papel de ser atacado dessa forma é meu. E não iria abrir mão do meu personagem para outra pessoa assim tão facilmente.

Ah, e tem mais uma coisa.

…… Eu realmente não gosto dessa filha da puta.

Minha mesa balançou quando eu, galantemente, me levantei de minha cadeira.

「Ei, pa...—」

「Cale a boca.」

— ...rem com isso. Era o que eu ia dizer, mas antes que eu tivesse chance, Miura me lançou um olhar com uma cara tão fechada que parecia soar como o chiado de uma cobra.

「…… Pa-parece que dava pra ir comprar uma bebida. Ma-mas eu vou deixar pra lá.」{{N/T: ele disse no primeiro diálogo “OI, SONO HEN DE…” e foi interrompido, então nessa linha ele para disfarçar diz “SO-SONO HEN DE nomimono demo katteyou kanaa”. Eu adaptei porque ficaria estranho apenas traduzir, porque a primeira ficaria “Ei, por aíー” e a segunda ficaria “Me pergunto se conseguiria comprar uma bebida por aí.”.}}

Que medo! Ela é algum tipo de anaconda……? Eu instintivamente estava me desculpando com um 「Me-me-me-me perdoe!」 ou algo parecido!{{N/T: Ele falou “subibasen” e não “sumimasen” porque era uma voz de choro.}}

Eu afundei, abatido, em minha carteira. a Miura pareceu ter esquecido da minha existência. Ela voltou os olhos para a figura cabisbaixa da Yuigahama.

「Sabe, eu estou dizendo isso pelo seu bem, Yui, mas essa sua atitude indecisa realmente me dá nos nervos.」

Miura começou dizendo que era pelo bem da Yuigahama, mas acabou falando sobre como ela mesma se sentia. Ela contradisse a si mesma em uma única frase. Mas, a Miura não achava que isso fosse uma contradição. Ela era a rainha do grupo e nesse tipo de sociedade feudal, o líder tem poder absoluto.

「…… Desculpe.」

「Isso outra vez?」

O “humpf” com ar superior da Miura estava carregado de raiva e de resignação. Esse som apenas fez com que a Yuigahama se encolhesse ainda mais.

Apenas parem com essa porcaria logo, poxa. Tenham mais consideração com as pessoas ao redor, que tem que assistir o que está acontecendo. Eu não suporto essa atmosfera opressiva. Parem de arrastar o público para o drama juvenil em que vocês estão atuando.

Eu mais uma vez, reuni a pouca coragem que tinha. Quero dizer, não é como se eles pudessem me odiar ainda mais. Eu podia entrar nessa batalha sem nenhum risco, então não era uma situação de todo ruim para mim.

Assim que me levantei para encarar o fundo da classe, a Yuigahama olhou para mim com os olhos cheios de lágrimas. É quase como se ela estivesse esperando por esse momento exato, a Miura falou com uma voz fria.

「Ei, Yui, para onde você está olhando? Sabe, você só tem se desculpado já faz algum tempo.」

「……」

「Ela não é a única com quem você deveria se desculpar, Yuigahama-san.」

「……」

A voz que ecoou pela sala foi ainda mais fria, ainda mais cruel, do que a voz da Miura havia sido. Todos que a ouviram se encolheram. Aquela voz era como um selvagem vento do Polo Norte, mas também era tão bela quanto uma aurora boreal.

Ela estava no canto da sala, em frente a porta e, mesmo assim, ela atraiu os olhares de todos imediatamente, como se ela fosse o centro de todo o mundo.

De todas as pessoas neste planeta, apenas a Yukinoshita Yukino poderia soar dessa forma.

De repente, eu estava completamente paralisado e me encontrei preso em minha posição parcialmente levantada. Comparadas com aquilo, as últimas tentativas de intimidação da Miura pareciam brincadeira de criança. Afinal, quando a Yukinoshita era sua oponente, você nem mesmo tinha a chance de ter medo. Era algo que ia muito além do medo que você era deixado apenas com uma impressão de beleza.

Essa existência deixou todos na classe encantados por ela. Em algum momento, mesmo o som das unhas da Miura batendo na mesa desapareceram e a classe foi tomada por um completo silêncio. Mas a voz da Yukinoshita logo quebrou esse silêncio.

「Yuigahama-san. Você realmente tem pouca consideração. Você me disse para esperá-la em um lugar e você nem ao menos chegou na hora marcada. Não teria sido apropriado, ao menos, me enviar uma mensagem avisando que você iria se atrasar?」

Quando a Yuigahama ouviu isso, ela sorriu, parecendo aliviada. Ela começou a ir na direção da Yukinoshita.

「…… De-desculpe. Só que, na verdade, eu não tenho o seu número de celular Yukinon……」

「…… Então é isso? Suponho que seja verdade. Bem então, eu não direi que você cometeu um erro. Vamos deixar isso pra lá desta vez.」

Yukinoshita parecia não dar atenção aos acontecimentos ao seu redor e simplesmente continuou a dizer qualquer coisa que quisesse. Era quase refrescante vê-la seguir seu próprio ritmo.

「Es-espere um pouco! Nós ainda não terminamos de conversar aqui!」

Pareceu que a Miura finalmente estava livre de sua paralisia e ela se lançou sobre a Yukinoshita e a Yuigahama.

A rainha da ira de fogo trovejou e suas chamas tornaram-se cada vez mais quentes.

「O que foi? Eu não tenho muito tempo para ficar e conversar com você. Eu ainda não almocei.」

「A-Ahn? Você aparece do nada e então diz isso? Eu estou conversando com a Yui aqui!」

「Conversando? Você não estava apenas gritando? Isso era para ser, supostamente, uma conversa? Para mim, parecia apenas que você estava tentando fazê-la ficar desequilibrada e então, forçar sua própria opinião nela.」

「O quê?!」

「Me desculpe, eu não percebi antes.  Eu admito que não estou ciente do seu tipo de vida, então eu não pude deixar de compará-la com os jogos de dominâncias de um macaco.」

Até mesmo a Rainha do Fogo congelava ao enfrentar a Rainha do Gelo.

「~~Sua!」

A Miura encarou a Yukinoshita, sua raiva era completamente óbvia. Entretanto, a Yukinoshita deixou o olhar passar com indiferença.

「Você pode xingar e bufar tudo o que você quiser e pode agir como se você fosse o Rei do castelo, mas, por favor, faça isso em particular e no seu devido tempo. Caso contrário, seu pequeno ato vai desmoronar, assim como sua maquiagem está agora.」

「…… Ahn, o que você está dizendo? Eu não entendi.」

A Miura, soando como uma má perdedora, finalmente pareceu desabar de volta em sua cadeira. Seu cabelo cacheado balançava de um lado para o outro enquanto ela mexia furiosamente em seu celular.

Depois de tudo isso, nem uma única pessoa tentou falar com aquela garota. Até mesmo Hayama, que costumava ser bom em acompanhar situações como essa, podia apenas bocejar para tentar esconder o constrangimento.

 

E bem ao lado de tudo isso, estava a Yuigahama, ainda de pé e imóvel. Ela segurava com força a bainha da saia, como se ela quisesse dizer alguma coisa. Yukinoshita deve ter adivinhado o que a Yuigahama queria fazer, pois ela começou a andar para fora da sala.

 

 

「Estou indo na frente.」

「E-eu estou indo também……」

「…… Faça como quiser.」

「Ok.」

Quando a Yuigahama ouviu isso, ela deixou escapar um sorriso, mas ela era a única sorrindo.

Ei, ei, o que diabos estava acontecendo com essa atmosfera……  A situação era imensamente desconfortável, então era realmente difícil ficar na sala de aula. Antes que eu percebesse, mais da metade dos meus colegas de classe começaram a deixar a sala, dizendo que estavam com sede ou que precisavam ir ao banheiro. Os únicos que ficaram lá, além do grupo do Hayama e da Miura, foram os mais excessivamente curiosos membros da classe.

Suponho que eu também deva aproveitar a chance e pegar essa grande onda em direção a porta! Mas, sério, se a atmosfera ficar mais escura aqui, então eu vou sufocar. E morrer.

Eu comecei a caminhar, o mais silenciosamente possível, em direção a porta, passando pela Yuigahama no caminho. E nesse momento, eu escutei um pequeno sussurro.

「Obrigado por se levantar antes.」

X                          X                          X

Quando eu deixei a sala de aula, eu vi a Yukinoshita. Ela estava encostada na parede junto à porta com os braços cruzados e os olhos fechados. Ela estava exalando uma aura extremamente fria e isso podia ser devido ao fato de não ter ninguém por perto. Estava muito tranquila.

E é por isso que eu podia escutar a conversa que acontecia dentro da classe:

『…… Umm, me desculpe. Sabe, eu fico um pouco desconfortável quando não posso me dar bem com alguém…… Ou você poderia dizer que eu apenas fiquei autoconsciente do nada… então, talvez você esteja irritada com isso.』

『…………』

『É, bem, como eu posso colocar isso? Eu sempre fui assim. Mesmo quando eu brincava de imitar Ojamajo{{N/T: “Ojamajo Doremi 『おジャ魔女どれみ』” ou “Magical Doremi”, é um anime mahou shoujo de 1999.}} com meus amigos, eu queria ser a Doremi ou a Onpu-chan, mas outra garota também queria, então eu acabava sendo a Hazuki…… Eu cresci em um grande complexo de apartamentos, com outras pessoas ao meu redor o tempo todo, então talvez seja por isso que eu pensei que essa fosse a melhor forma de se agir……』

『Eu não tenho ideia do que você está tentando dizer.』

『Si-sim, eu acho, haha. Bem, eu também realmente não sei o que eu estou dizendo…… É só, humm, quando eu vi o Hikki e a Yukinon eu percebi uma coisa. Mesmo quando não há ninguém ao seu redor, você ainda pode parecer estar se divertindo. Aqueles dois dizem o que estão pensando e, mesmo que eles pareçam não se dar bem, você pode ver que funciona de algum jeito……』

De vez em quando, eu podia escutar o som de soluços vindo da sala de aula. Toda vez que isso acontecia, eu podia ver os ombros da Yukinoshita se contorcendo. Ela arregalou um pouco os olhos e tentou olhar para dentro da sala sem virar a cabeça. Sua idiota, você não vai conseguir ver nada daí. Se você está preocupada, então entre logo na sala. Essa garota. Ela realmente não é honesta com ela mesma.

『Depois que eu vi aquilo, eu comecei a pensar que talvez fosse errado eu tentar tão desesperadamente me dar bem com todo mundo…… Quero dizer, para ser honesta, Hikki é seriamente um Hikki. Durante os intervalos, ele fica lendo livros e rindo sozinho…… {{Riberiru: eu tenho essa mesma mania}} Isso é bem grosseiro, mas ele parece estar se divertindo.』

Ela disse nojento……  Uma vez que a Yukinoshita escutou isso, ela soltou uma risada.

「Eu pensei que você tivesse esse hábito esquisito apenas na sala do clube, mas parece que você faz isso na classe também. Esse é, seriamente, um hábito repugnante. É melhor você parar com isso.」

「Se achava isso, então deveria ter me dito……」

「Mas é natural que eu não falasse. Quem iria querer falar com você depois que você fizesse algo tão repugnante?」

Então, vou tentar seriamente ser mais cuidadoso de agora em diante. Eu não vou mais ler light novels sobre um Deus do mal na escola.{{N/T: Referência a “Jashin Oonuma『邪神大沼』”, série de light novels de 8 volumes.}}

『Então eu pensei, talvez eu não devesse tentar tão duro, eu devia apenas levar isso com mais calma…… Ou algo assim. Mas não é como se eu odiasse a Yumiko ou coisa parecida. Nós ainda seremos capazes de nos dar bem depois disso, certo?』

『…… Hmpf. Entendo. Bem, então tanto faz. Está tudo bem.』

Eu escutei o som da Miura fechando seu telefone.

『…… Desculpe e obrigada.』

E com isso, a conversa na sala de aula parou e eu ouvi o ruído dos passos da Yuigahama vindo em nossa direção. Tomando isso como um sinal, a Yukinoshita também desencostou da parede e se levantou.

「……  Bem, você sabe. Ela pode se defender sozinha.」

Por esse breve momento, eu estava tomado pela surpresa de ver um sorriso no rosto da Yukinoshita.

Era um sorriso simples, puro e desprovido de zombaria, sarcasmo ou tristeza.

Entretanto, aquele sorriso logo desapareceu e a expressão da Yukinoshita logo voltou a ser gélida, como de costume. Enquanto eu olhava para o sorriso da Yukinoshita, ela rapidamente caminhou para o fim do corredor e desapareceu, sem me dar nenhum tipo de atenção. Ela, provavelmente, se dirigia para o local que a Yuigahama e ela haviam combinado de se encontrar.

…… Bem então, o que eu deveria fazer em seguida? Eu comecei a caminhar, mas, neste momento, a porta da classe se abriu.

「Eh? Po-por que o Hikki está aqui?」

Eu estava congelado, mas consegui levantar meu braço direito e cumprimentá-la, esperando ser capaz de sair dessa situação. Quando olhei para o rosto da Yuigahama, eu pude ver que ele estava ficando cada vez mais vermelho.

「Você estava escutando?」

「O-o que você quer dizer……?」

「Você estava escutando, não estava? Você estava espionando? Grosso! Stalker! Esquisito! Um, umm, muito grosso! Eu não acredito em você! Você é realmente grosso. Você é seriamente, verdadeiramente grosso.」

「Espere um pouco! Mostre alguma moderação!」

Quero dizer, mesmo eu vou ficar triste se você jogar todos esses absurdos direto na minha cara. E não diga essa última parte com uma expressão completamente séria no rosto, droga. Acho que agora eu estou realmente machucado.

「Hmpf, é um pouco tarde para eu mostrar moderação. E de quem você acha que é a culpa? Seu bobo.」

Yuigahama mostrou a sua língua cor-de-rosa pra mim e com essa tentativa fofa de me provocar, ela fugiu. Ela era uma aluna do primário ou algo assim? Não corra pelos corredores.

「De quem é a culpa…… Isso é culpa da Yukinoshita, certo?」

Eu estava falando comigo mesmo. Eu estava sozinho, então isso era natural.

Quando olhei para o relógio, vi que restava pouco tempo do nosso intervalo. Essa horrível pausa para o almoço indutora de sede também já ia acabar. Talvez eu devesse ir comprar um Sportop para saciar a sede na garganta e no meu coração.

Enquanto eu me dirigia até a máquina de vendas, eu me dei conta de uma coisa.

Otakus tem comunidades de otakus, então eles não são solitários.

E tornar-se um riajū significava que você teria que oferecer muita atenção a hierarquia e balancear o poder, então isso era muito difícil.

Então, no fim, eu era a única pessoa solitária. Eu não precisava da Hiratsuka-sensei para me isolar, pois eu já era isolado na minha classe. Então, realmente não havia um ponto em tentar me isolar ainda mais no Clube de Serviços Voluntários.

…… Que triste conclusão era essa. A realidade é realmente muito cruel.

 

A única coisa doce em minha vida era o sabor deste Sportop.