Martial World

1004 - As Doze Pedras do Caos

Tradução: Cyber | Revisão: Ed

Lin Ming submergiu nas Pedras do Caos. Ele logo entrou em um estado altruísta e perdeu o senso de tudo à sua volta.

Xiao Shaobai estava um pouco atordoado enquanto assistia do lado. Só foram dados a eles vários um quarto de hora para escolher um Totem e eles tinham que fazer a sua escolha dentro desse tempo. Ainda havia muitos outros esperando do lado de fora. Se todos demorassem muito, seria necessário vários dias e noites para que todos os gênios dos três palácios escolhessem seus Totens.

“Irmão Lin, você realmente não está planejando escolher as Pedras do Caos certo? Nós não temos muito tempo sobrando." Xiao Shaobai perguntou tentativamente. Mas Lin Ming não respondeu. Sua consciência ainda estava imersa nas Pedras do Caos, sentindo a antiga e sem limite Aura Hongmeng vindo delas.

Este foi o sabor dos anos. Esculpida na formação do universo, essas Pedras do Caos acumularam os infinitos anos que se passaram. Elas eram objetos que existiram por mais tempo do que qualquer outra coisa no mundo. Cada traço sobre uma Pedra do Caos contava uma história sobre a miríade de mudanças do universo. Elas registravam o nascimento de inúmeros corpos celestiais, sua glória, sua irradiância e até mesmo sua morte!

Ao mesmo tempo, essa Pedra do Caos também carregava uma aura do espaço infinito. Esse universo era verdadeiramente infinito. Três mil mundos ilimitados e os três mil Grandes Mundos do Reino dos Deuses não representavam todo o universo! Dentro deste mundo, havia incontáveis reinos místicos e muitos enigmas desconhecidos e mistérios que estavam esperando para serem explorados. Uma Lei simples poderia evoluir para inúmeros misteriosos e ilimitados fenômenos incompreensíveis. Mesmo um Empíreo acharia difícil entender completamente todas as Leis do universo.

O universo com seus três eixos continha um espaço infinito. Desde os tempos antigos até agora, incontáveis anos haviam se passado e continuariam a passar sem fim! A maior das doze Pedras do Caos tinha dez pés; era apenas um por cento do tamanho do Selo Real Celestial de Cem Pés. Mas os mistérios contidos nela eram eternos e intermináveis. Não era algo que o Selo Real Celestial de Cem Pés poderia se comparar.

Isso não quer dizer que reino daquele que esculpiu o Selo Real Celestial de Cem Pés era insuficiente. Na verdade, o mais fraco dos Patriarcas do 'Clã da Fênix Ancestral' era uma poderosa existência no 'Reino Lorde Sagrado', e o mais notável entre eles se aproximou de se tornar um Lorde Absoluto. Aquele que esculpiu o Selo Real Celestial de Cem Pés foi uma existência que se aproximou de um Lorde Absoluto. Esta existência consumiu trezentos e sessenta anos para esculpir o Selo Real Celestial de Cem Pés. Só por isso, o número de mistérios dentro dele poderia ser imaginado!

Mas, não importava o quão poderoso o Patriarca tivesse sido, ele ainda era um artista marcial e ele ainda não era capaz de se comparar com um Empíreo. E um Empíreo não podia se comparar com o universo! Isso porque o que um Empíreo percebeu foram as Leis do universo!

As Pedras do Caos foram esculpidas pelo próprio universo! Como poderia um Totem esculpido por mãos humanas ser comparável a uma Pedra do Caos esculpida pelo universo?

Assim, esta Pedra do Caos de dez pés quadrados registrava a maioria das Leis de origem do universo. Apenas nas Leis do Fogo, era muito mais profunda e mística do que o Selo Real Celestial de Cem Pés!

A razão pela qual Lin Ming podia sentir fracamente os intermináveis mistérios dentro dessas Pedras do Caos não era porque sua percepção era alta. Na verdade, havia inúmeros gênios dentro do Reino dos Deuses com percepções anormalmente altas, mas nunca houve um jovem herói de elite entre eles que pudesse sentir os mistérios dentro das Pedras do Caos durante a 'Destruição da Vida'.

A única razão pela qual Lin Ming foi capaz de conseguir isso foi que ele havia entrado no Espaço Hongmeng do 'Caminho do Imperador'. As oportunidades que ele ganhou lá foram o equivalente a herdar uma parte da herança do Empíreo Primordial!

Lin Ming observou todas as Pedras do Caos. Sua alma entrou em um estado profundamente vazio.

E no mar espiritual de Lin Ming, o Espírito de Batalha quase Nível Ouro estremeceu. Uma névoa se condensou em volta do Espírito de Batalha em forma de lança. Essa era a forma elementar da Energia Hongmeng!

Hongmeng era o caos primordial. Quando o universo estava se formando, antes que os céus e a terra se formassem, o universo estava cheio de energia e matéria impossivelmente densas. Isso era Energia Hongmeng.

Uma pequena fração de Energia Hongmeng poderia esmagar uma estrela!

Isso porque se uma estrela fosse condensada e transformada em Energia Hongmeng, ela seria apenas do tamanho de uma noz!

Lin Ming podia sentir que essa Pedra do Caos parecia formar uma ressonância com o Espírito de Batalha Hongmeng em seu mar espiritual. Esse tipo de ressonância permitiu que ele nadasse dentro dos mistérios das Leis dentro da Pedra do Caos, derivando o sustento de dentro.

"Este é o sentimento de yin yang!"

A mente de Lin Ming foi movida. A primeira Pedra do Caos continha apenas duas linhas, preta e branca. Essas linhas se curvavam e se entrelaçavam como cobras gêmeas. Quando ele olhou para eles pela primeira vez, Lin Ming não conseguiu identificar o que eram essas linhas abstratas. Mas, quando ele afundou sua consciência nelas, ele sentiu como se pudesse realmente distinguir a fragmentação do universo quando o yin e o yang se separaram e foram criados.

“A Pedra do Caos número um do Mundo Atlas é a Pedra do Caos do Yin Yang. Ela contém as Leis do Yin Yang…” O nome dessa pedra do caos emergiu da mente de Lin Ming. Essas doze Pedras do Caos não tinham nomes ilustres como aqueles Totens deixados para trás pelos Anciões Supremos do 'Clã da Fênix Ancestral'. Por exemplo, o Tablete do Dao Extremo, Selo Real Celestial de Cem Pés, e todos os outros com seus nomes maravilhosos.

Essas Pedras do Caos eram numeradas de um a doze, com seus respectivos domínios anunciando-as.

“A Pedra do Caos número dois, a Pedra do Caos dos Anos Intermináveis, contém o poder dos anos intermináveis!”

Os pensamentos de Lin Ming se agitaram. A Pedra do Caos número dois registrou a passagem do tempo. Na superfície dessa Pedra do Caos estava inscrito o poder do tempo. Comparado com os traços da Pedra do Caos do Yin Yang, os traços formados a partir do poder do tempo eram ainda mais etéreos e fracos. Quando ele casualmente varreu seu sentido sobre eles, as imagens fantasmas foram produzidas em seu mar espiritual. Mas à medida que ele investigava com mais cuidado, eles se tornaram muito mais fracos até que finalmente desapareceram de sua mente sem deixar nenhum vestígio de que uma vez estiveram lá! Era tão incerto quanto o próprio tempo. Embora o passado não pudesse ser alterado, ainda podia ser enterrado nas areias da história. Se alguém tentasse olhar, eles poderiam ver que o futuro estava enevoado e incerto, escondido atrás de infinitas variáveis. Essas variáveis eram infinitas, até um grau em que até um Empíreo não conseguia resolvê-las!

“Pedra do Caos número três, Pedra do Caos do Universo Espacial. Essa Pedra do Caos contém a infinitude do espaço!"

O elemento que combinava com o tempo era o espaço. O Espaço Hongmeng de Lin Ming era capaz de aniquilar todas as Leis, mas seus efeitos contra as Leis do Espaço e as do Tempo na verdade eram muito enfraquecidos. Tempo e espaço eram conhecidos como as Leis mais misteriosas por uma razão. Antes do universo ter se formado, o tempo e o espaço estavam comprimidos dentro da Hongmeng. Neste momento, o universo não tinha os Conceitos de Espaço e o de Tempo. Mas depois que o universo se formou, antes que o yin e o yang se separassem, antes que o mundo fosse definido e antes que os cinco elementos fossem criados, o espaço e o tempo já existiam. Eles existiram antes do caos primordial do yin yang!

Na Pedra do Caos do Universo Espacial, os traços eram rasos e profundos, longos e curtos. Algumas linhas divergiam até o limite da Pedra do Caos, como se o seu fim estivesse em algum lugar no vazio infinito. Algumas linhas terminavam e desmoronavam em um único ponto, como se o espaço inerente tivesse retornado a um ponto de singularidade. Os muitos mistérios eram impossíveis de ver claramente.

“Pedra do Caos número quatro, a Pedra do Caos dos Cinco Elementos, contém o poder dos cinco elementos!”

O poder dos cinco elementos nasceu na fase final da criação do universo. Quando o universo evoluiu, primeiro houve o caos, depois houve espaço e tempo, depois houve yin yang, depois os cinco elementos e, finalmente, formaram-se corpos celestiais. Nesses corpos celestiais, todas as formas de vida foram criadas.

Embora as Leis dos Cinco Elementos não parecessem apontar para a origem do universo como o yin yang e o caos, isso não significava que elas não fossem misteriosas. De fato, as coisas que vieram depois podem ser ainda mais complexas.

O poder dos cinco elementos; metal, madeira, água, fogo, terra, bem como vento e trovão que eram derivados deles. Cada um deles era a aplicação mais direta de energia. Em termos de velocidade, em termos de poder destrutivo, em termos de regeneração, ou até mesmo em termos de defesa, cada um desses elementos atingiu o pico em algum aspecto. Apenas nesses pontos extremos, o poder dos cinco elementos eram as Leis mais incomparavelmente simples do Grande Dao. Para que as Leis de origem fossem convertidas em poder impressionante, elas primeiro tinham que passar pelo poder dos cinco elementos.

“Pedra do Caos número cinco, a Pedra do Caos da Estrela, contém o poder das estrelas…”

Lin Ming continuou a examinar as Pedras do Caos. Estrelas existiam em todo o universo. O poder das estrelas era o poder de aniquilar todas as matérias. Embora parecessem fracas e não perigosas, isso era porque estavam muito longe. Se alguém se aproximasse delas, o poder era incomparável! Não apenas isso, as estrelas continham o sinuoso caminho do destino. Isso porque o movimento e a rotação das estrelas continham o Dao Celestial. Compreendendo seus movimentos e posições, pode-se aprender a ver fracamente através do nevoeiro do futuro.

“Pedra do Caos número seis, Pedra do Caos de Todas as Vidas, contém as Leis da Vida…”

Lin Ming continuou a olhar através de todas as doze Pedras do Caos, mergulhando em seus segredos até que ele finalmente acordou de sua condição etérea. Quando sua consciência se retornou, ele descobriu que Xiao Shaobai já estava o chamando por um longo tempo.

“Irmão Lin, olá, você pode me ouvir? É hora de sairmos. Você já escolheu um Totem?"

Quando Lin Ming ouviu a voz do Xiao Shaobai, um sentimento reflexivo e contemplativo tomou conta dele. Era como estar dentro das Pedras do Caos era um tempo e espaço completamente diferentes.

Xiao Shaobai viu o olhar confuso de Lin Ming e não pôde deixar de dizer: “Irmão Lin, quero lhe aconselhar que, embora essas Pedras do Caos sejam profundas e misteriosas, elas simplesmente não são práticas de forma alguma. Estamos principalmente envolvidos na perceber os 'Conceitos de Fogo', e essas Pedras do Caos são muito grandes e expansivas. Se você quiser meditar nelas, precisará gastar muito esforço para entender apenas um pouquinho. Mesmo assim, você pode não ser capaz de usar essas compreensões no Conceito de Fogo'.”

Xiao Shaobai estava ciente de que Lin Ming não tinha olhado nenhum Totem, por isso ele lembrou Lin Ming por gentileza. Ele certamente não sabia da sorte ou da fortuna de Lin Ming. Em sua mente, embora Lin Ming fosse de fato talentoso, esse talento manifestava-se principalmente em sua força de combate. Quanto à sua percepção, isso era relativamente normal, caso contrário, como a sua compreensão das Leis do Fogo poderia ser tão ruim?

Se Xiao Shaobai tivesse que ser extremamente contundente sobre esta situação, então ele diria que Lin Ming era um homem simplório com um corpo muito forte. É claro que Lin Ming, sendo simplista, era apenas em comparação com os talentos de pico, como Yan Yue'er. Mesmo Yan Yue'er não era capaz de perceber essas Pedras do Caos, muito menos Lin Ming.

Ele naturalmente não acreditaria que Lin Ming teria uma impressão e compreensão profundas dessas Pedras do Caos. “Irmão Lin, sei que você ainda não escolheu, mas nosso limite de tempo acabou e devemos sair. Que tal isso, se você confiar em mim, então eu posso te recomendar um Totem que, sem dúvida, será bom para você. O que você acha?"

Entre os Totens da Torre de Totens, além do Selo Real Celestial de Cem Pés, os outros Totens da Grau Celestial não eram muito diferentes em qualidade. Xiao Shaobai tinha dado uma olhada superficial sobre eles a pouco e se decidiu em três ou quatro deles. De qualquer forma, ele só podia escolher um, então recomendar um a Lin Ming como uma boa forma de fazer amizade com ele também era bom.

Lin Ming sabia que Xiao Shaobai estava tentando ser útil. Ele sorriu e disse: "Não precisa irmão Xiao, eu já escolhi".

"Ok, então vamos." Xiao Shaobai achava que Lin Ming já poderia ter lido sobre esses Totens antes e tomado sua decisão há muito tempo. Não importava muito de qualquer forma.

Ele saiu da Torre de Totens com Lin Ming.

Nesse momento, fora da Torre de Totens, os discípulos dos três palácios estavam esperando. O mensageiro de manto preto estava acima de uma plataforma do lado de fora da Torre de Totens e, olhou paternalmente para Lin Ming e Xiao Shaobai.

"Vocês dois, vocês fizeram suas escolhas?"