Evil Emperor’s Wild Consort

373 - Quites (Parte 3)

Hua!

Com um golpe de espada, o ancião, que estava esse tempo todo fazendo balbúrdia, teve seu braço cortado. Ele chorou de dor, arregalando seus olhos enquanto olhava para Gu Ruoyun.

Nesse instante, os anciões do Reino Imortal ficaram surpresos por não conseguirem mais manter sua forma imortal nesse mundo. Seus corpos estavam cansados e abatidos, fazendo-os parecer com mendigos saídos direto de um beco sujo...

“Haha! Gu Ruoyun, nós não permitiremos que você nos torture.”

De repente, uma sonora gargalhada pôde ser ouvida e todos viram um ancião em vestes brancas, inchado como um balão. Seus olhos se esbugalharam e sua face tomou um aspecto sinistro. Foi algo terrível de se testemunhar.

Logo, o resto seguiu o exemplo. Seus corpos inflaram como balões, como se eles estivessem prestes a explodir.

“Autodestruição! Eles vão se explodir!”

Mestre Xia ergueu-se do chão enquanto sua expressão mudava drasticamente: “São mais de dez Imperadores Marciais! Se eles explodirem aqui, vão destruir a Cidade Celestial. Será uma catástrofe!”

A autodestruição de um Imperador Marcial seria o suficiente para transformar mais de milhares de quilômetros ao redor em pedacinhos. Mas com mais de dez Imperadores Marciais, o quão forte poderia ser uma explosão como essa? Até mesmo ele, o Mestre Xia, ficaria gravemente ferido com tamanha explosão. Imagine então aqueles que são de um nível inferior ao dele.

“Irmã Shiyun, cuidado!”

O rosto de Leng Yangfeng se contorcia enquanto ele corria em direção a Shiyun, abraçando-a contra o chão para protegê-la.

Shiyun ficou espantada, enquanto encarava com seu rosto pálido os anciões que continuavam a expandir seus corpos como balões. Sua face se tornou amarela e, então, verde. Como uma louca, ela ergueu sua perna, chutando Leng Yanfeng e gritando ferozmente: “Seu inútil, você não vai parar isso? Pare-os! Eu não quero morrer! Eu ainda tenho que me tornar a cultivadora número um do mundo, eu não quero morrer aqui!”

Peng!

Leng Yangfeng caiu no chão com o chute, encarando pasmo para a mulher de aparência descontrolada. Seus olhos estavam cheios de descrença.

Não era essa a fada sensata e calma, irmã Shiyun? Ela não era a pessoa gentil que o havia tirado do abismo? Seu comportamento atual não se parecia com sua impressão anterior...

Encarando a mulher, cuja aparência era repugnante, Leng Yangfeng teve seu coração dolorosamente partido. Mesmo num momento tão perigoso, tudo o que ele pensava era em proteger seu amor… Tudo isso para ser chutado.

Seu coração nunca esteve tão abandonado quanto agora...

Leng Yangfeng mordeu seus finos e brancos lábios com uma grande dor em seus olhos. Entretanto, naquele instante, uma refrescante e doce voz foi ouvida. Ela era calma e não titubeava...

“Vocês querem se autodestruir? Vamos ver se vocês conseguem ter a chance de fazer isso.”

O leve sorriso da garota era frio, e seus lábios demonstravam desaprovação.

“Haha! Gu Ruoyun, nós não vamos deixá-la nos matar tão facilmente!”

As pessoas do Reino Imortal gargalhavam enquanto seus corpos continuavam a se expandir cada vez mais. Era uma visão tão assustadora que todos de repente se empalideceram, enquanto alguns desabavam em lágrimas...

Pu!

Um barulho de peido de repente surgiu, quebrando aquela tensa atmosfera.

Mestre Xia olhou assustado antes de cair na risada: “O que é isso? Só papinho e nada de ação? Nos assustando com um barulhinho de peido? Vocês estão tentando explodir ou só precisam liberar gás?”

Até mesmo as pessoas do Reino Imortal não faziam ideia do que tinha acabado de acontecer. Eles olhavam uns para os outros, com suas faces pálidas. Eles planejavam explodir, mas porque parecia que algo os impedia de fazer aquilo? Seus corpos ainda estavam inchados, mas eles não podiam continuar ou até mesmo desinchar?




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.