Evil Emperor’s Wild Consort

216 - O Pedido de Ajuda da Família Dongfang (Parte 5)

— Na verdade, isso não é um grande problema. Eu sinto que o físico do seu avô já não é mais o que costumava ser. A vida dele pode estar chegando ao fim. Além disso, tornou-se uma realidade o fato de que a Família Dongfang atualmente está cercada de inimigos. Ele não tem que lidar só com inimigos externos, mas também... Ele precisa se precaver contra as disputas que vem ocorrendo dentro da própria família. Gradualmente ele está se tornando incapaz de lidar com isso e se ele não avançar para um nível maior, talvez ele só resista por um ou dois anos.

Shaoze riu amargamente. No passado, ele tinha cuidadosamente convencido seu pai a lidar com a Seita Divisas Celestes para que eles não tivessem tempo de ir pra cima de Gu Ruoyun. Porém, no final, foi a Família Dongfang que acabou suportando mais do que podia.

E, por três anos, a Família Dongfang lutou com a Seita Divisas Celestes. Se algo fosse acontecer com seu Pai, a Família Dongfang poderia ser destruída completamente. Mas ele não podia contar isso para Gu Ruoyun. Afinal, ele não queria usar isso como se fosse uma dívida de gratidão para arrastá-la para o meio dos problemas...

Gu Ruoyun ficou em silêncio. Depois de um longo tempo, ela levantou a cabeça para olhar para o rosto caloroso dele: — Eu não gosto da Família Dongfang por causa da atitude deles em relação à morte de minha mãe. No entanto, eu o reconheço como Tio e você é parte da Família Dongfang. Portanto... Não deixarei nada acontecer com a Família Dongfang!

O que ela realmente queria dizer é que ela iria ajudar, mas não por causa das relações de sangue que ela tinha para com eles e essa coisa toda de amor familiar, mas, por causa dele, exatamente por causa de Shaoze Dongfang.

O coração dele palpitou com o carinho que ela demonstrou, mas isso se seguiu de uma dura culpa que não podia ser evitada. Ele não sabia quantos problemas e dor essa menina tinha sofrido para que isso transformasse seu caráter a ponto de torná-la tão rígida. Se ele a tivesse ajudado, talvez ela não tivesse que suportar tanta dor...

Todos estes anos, ninguém da Família Dongfang a ajudou. Era compreensível que ela não tivesse carinho em relação a eles. Se não fosse por tanta boa sorte, quem sabe quantas vezes ela já não teria padecido nas mãos da Família Gu.

— Tio, com meu nível de habilidade atual, eu não sou capaz de ajudar o Mestre da Família Dongfang a avançar em seu cultivo. Vamos deixar esse problema pra depois. Aqui tem uma Pílula da Longevidade, dê a ele para prolongar sua vida por dez anos. Agora, eu terei que fazer uma viagem. Uma vez que eu tenha resolvido essa outra questão, irei até a Família Dongfang e procurarei por você. 

Ela entendia as pressões que a Família Dongfang estava sofrendo nesse momento. O Ancião Yu tinha lhe informado que a Seita Divisas Celestes não havia criado problemas para ela porque teve interferência da Família Dongfang. Ela não precisou pensar muito para chegar à conclusão de que isso era coisa que Shaoze Dongfang tinha feito por ela...

Mesmo que ele não tenha usado isso para forçá-la a ajudá-lo, ela não era uma pessoa ingrata. Então, mesmo que ela não tivesse carinho pela Família Dongfang, ela ainda faria o seu melhor para ajudá-lo com esse assunto...

Mesmo assim, após ouvir as palavras dela, Shaoze Dongfang ficou pasmo.

Verdade seja dita, ele tinha vindo para conseguir uma dessas pílulas. Com isso, o Pai poderia viver mais dez anos. Com estes dez anos adicionais, talvez ele conseguisse avançar em seu cultivo. Mesmo no pior dos cenários, se o Pai não conseguisse fazer qualquer avanço, isso ainda daria mais dez anos para a Família resolver suas questões.

Mas, ela falou que não podia ajudá-lo a avançar neste momento, com seu nível de cultivo. Será que ela poderia fazer isso no futuro?

Enquanto seu pensamento vagava sobre essa questão, Shaoze Dongfang sacudiu sua cabeça. E sorriu de maneira suave: — Yun'er, nesse caso, vou esperar por você na Mansão da Família Dongfang. Mas, se seu tio puder perguntar, onde você irá?

Ruoyun Gu baixou seus olhos um pouco e revelou um sorriso.

Um sorriso cheio de calor, de expectativa e uma pitada de urgência...