Evil Emperor’s Wild Consort

139 - O Retorno de Gu Xianglin (Parte 1)

Num longo e sinuoso caminho na floresta, um grupo de pessoas estava viajando para o Reino do Dragão em alta velocidade. Era possível ver claramente que o líder do grupo era um jovem em seus mero vinte anos. Ele tinha um rosto bonito e não parecia alguém cansado de batalhas.

_ Protetor da Esquerda, chegaremos em Reino do Dragão em breve. Devemos aumentar nossa velocidade?

_ Claro! A missão não tinha levado muito tempo para ser concluída, mas, finalmente poderemos voltar para casa agora.

O homem que foi chamado de Protetor da Esquerda sorriu fracamente. Dessa vez, ele tinha sido enviado pelo mestre para realizar uma missão que levou seis meses para ser concluída. Ele se perguntava o que seu grupo de irmãos estava fazendo agora.

Naquele momento, uma tempestade apareceu atrás deles. Uma voz alta pode ser ouvida: _ Quem está na nossa frente, abra caminho!

O jovem franziu as sobrancelhas. Antes que pudesse tomar qualquer ação, um chicote estalou com a intenção de chicotear seu cavalo. No entanto, antes do chicote poder alcançar o rapaz, ele pegou o chicote e puxou. O homem que estava segurando o chicote desceu de sua montaria imediatamente.

_ Pare!

Nesse momento, todos puxaram suas rédeas com firmeza e pararam em suas trilhas.

O grupo de cavaleiros que estava galopando atrás usava uniformes e montavam como se fossem uma tempestade de lobos. Cada um desses cavaleiros tinha um ar arrogante em seus rostos, como se ninguém na terra pudesse detê-los.

_ Eles são da Seita Brisa Suave?

Uma luz estranha brilhava nos olhos de Xunfeng e seu olhar frio estava fixo nessas pessoas. _ Me pergunto, qual é a razão de vocês para me pararem?

Comparada à Família Dongfang, faltava poder à Seita Brisa Suave. No entanto, a Seita Brisa Suave ainda era uma seita conhecida. Para se criar seitas, precisava-se de uma pessoa que estivesse no nível Rei Marcial como líder pelo menos. A Seita Brisa Suave, em particular, tinha dois especialistas no nível Rei Marcial, tornando a atitude de seus seguidores um tanto quanto tirânica.

_ Filho da puta! Não consegue ver que nosso Jovem Mestre está bem aqui? Como você ousa bloquear nosso caminho?! Em quem eu deveria dar um soco, senão em você?

O homem que tinha sido puxado pro chão por Xunfeng levantou-se apressadamente e olhou para ele com um sorriso sarcástico. _ Afinal, olhando para esses cavalos gastos que vocês estão andando, pode-se ver que são meros plebeus. Me pergunto de onde vocês tiraram tanta coragem. A ponto de não abrir caminho mesmo tendo visto nosso Jovem Mestre chegando.

Quando ele disse isso, virou sua cabeça para olhar um jovem bonito que estava parado à distância.

Esse jovem era mais ou menos da mesma idade de Xunfeng. Suas características faciais eram bem definidas e seu rosto afiado como uma faca. No entanto, havia um olhar esnobe naquele rosto que estragava sua beleza.

_ Gu Xianglin!

O olhar de Xunfeng ficou gelado na mesma hora. Por certo ele não devia saber quem o jovem mestre da Seita Brisa Suave era. No entanto, ele não podia ser ajudado. Esse cara era o irmão de sanguem de Gu Panpan. Em outras palavras, ele era primo de Gu Ruoyun! Claro que ele iria reconhecê-lo!

Além disso, nunca lhe ocorreu que ele tinha se tornado o jovem mestre da Seita Brisa Suave.

Alguns anos atrás ele tinha ouvido a notícia que o filho único do mestre da Seita Brisa Suave tinha sido assassinado. Como a Seita Brisa Suave tinha perdido seu herdeiro, o cargo passou para seu filho adotivo. Quem é que iria pensar que este filho adotivo era na verdade Gu Xianglin!

Parecia que não levaria muito antes do Reino do Dragão ser atingido por outra calamidade.

Gu Xianglin só deu uma olhada pra Xunfeng. Mesmo que ele parecesse calmo e ponderado, Xunfeng podia claramente ver e sentir o desprezo em seus olhos.

_ Esqueça isso! Há muito cães vadios em todos os lugares. Não há necessidade de brigar com pessoas incivilizadas só para se rebaixar ao nível delas. - Agitando sua mão ele disse: _ Vamos! Há muitos anos que não vou pra casa. Não tenho ideia do que aconteceu nesses últimos anos. Vamos manter nossa prioridade e continuar nossa volta para casa ao invés de procurar encrencas.