Evil Emperor’s Wild Consort

098 - Inicio do Guerreiro Marcial (Parte 3)

_ Xiao Yun, eu disse algo errado?

Vendo que Gu Ruoyun ficou num silêncio repentino, uma onda de pânico começou a tomar conta do coração de Qianbei Ye, então ele decidiu escolher suas palavras com cautela.

Gu Ruoyun balançou a cabeça, seu olhar estava cheio de emoções complicadas: _ Xiao Ye, quando Ling Yi estava prestes a me atacar, porque você me protegeu? Por que você me trata tão bem?

_ Eu não sei. — Qianbei Ye olhou para a face delicada da menina, com seus olhos vermelhos e determinados: _ Eu só sei que quero te proteger desde o primeiro momento em que te vi.

O mais profundo do coração de Gu Ruoyun começou a tremer e ela fechou seus olhos.

No passado, alguém tinha prometido cuidar e proteger mas... No final, isso causou a morte de seu irmãozinho, simplesmente porque ela colocou sua confiança na pessoa errada.

_ Xiao Ye, já estou aqui há mais de um mês agora. Não sei se o Empório das Cem Ervas teve alguma dificuldade nesse tempo, mas vou lá dar uma olhada primeiro.

A garota abriu os olhos e revelou um sorriso em seu rosto bonito.

Mãe, Yu'er, vovô... Tenham a certeza de que quando eu voltar à Grande Montanha Oriental, pavimentarei o caminho com o sangue de nossos inimigos!!

_ Só mais uma coisa, Xiao Ye, há algo que gostaria que me ajudasse.

Tudo estava quieto no Empório das Cem Ervas.

Desde que Ling Yu recuou há um mês atrás, ela não voltou mais para procurar problemas. Tudo estava tão calmo que haviam esquecido da existência de Ling Yu.

Quando o Lojista Zhao notou Gu Ruoyun caminhando pelo saguão, ele estava muito feliz. Ele, apressado, caminhou para recebê-la: _ Minha Senhora, você está aqui?

_ Mmm, onde está o Ancião Yu?

_ Minha Senhora, o Ancião Yu não está no Empório das Cem Ervas no momento. Você gostaria de convocá-lo?

_ Sim, convocarei o ancião Yu e direi que tenho um negócio urgente. _ Também... — Gu Ruoyun entregou casualmente um pedaço de papel e disse sem expressão: _ Traga todas as ervas nesse pedaço de papel pra mim o mais rápido que você puder.

_ Sim, minha Senhora.

O lojista Zhao olhou de relance para as ervas na lista de Gu Ruoyun e ficou silenciosamente surpreso. No entanto, ele, respeitosamente despediu-se sem dizer uma palavra.

Seu coração ficou curioso. As ervas que minha Senhora pediu são extremamente preciosas. Algumas delas demorariam centenas de anos para crescer uma única folha. O lojista Zhao ponderava. O que será que ela vai fazer com isso?

No entanto, graças aos vastos recursos do Empório das Cem Ervas, era apenas questão de momentos antes dele trazer todas as ervas para Gu Ruoyun.

Pouco depois, o Ancião Yu também apareceu..

_ Eu preciso sair por um momento. Ancião Yu, por favor, espere por mim do lado de fora da sala e não deixe ninguém vir me incomodar.

Depois disso, ela foi até ao pátio do lado de trás do Empório das Cem Ervas.

Embora o lojista Zhao estivesse extremamente ansioso, ele não questionou nenhuma das ordens de Gu Ruoyun.

Logo depois, Gu Ruoyun já tinha entrado no Divino Pagode Ancestral e imediatamente perguntou: _ Zixie, já tenho as coisas para a pílula de armazenamento espiritual. Vamos começar a refinar?

Zixie sorriu: _ O método para refinar a pílula de armazenamento espiritual é um pouco diferente da que usamos para as pílulas coletoras de Qi. No entanto, eles produzem o mesmo resultado. Não deve ser muito difícil para você. Tudo bem, tente agora.

_ Tudo bem.

Gu Ruoyun assentiu com a cabeça, antes de focar o seu olhar para o caldeirão.

O sol estava se pondo no oeste.

O velho homem ficou do lado de fora da porta, sem fazer um único movimento, como se fosse uma estátua. Sua Senhora tinha estado dentro do quarto o dia inteiro, desde o momento que ela entrou até este momento, não havia um único indício de movimento. Ele não sabia nada sobre a situação dentro do quarto.

Tão logo ele estava começando a fazer suposições sobre Gu Ruoyun ter estado procurando por ele, a porta da sala atrás dele lentamente se abriu. Então, a voz clara da menina o chamou.

_ Ancião Yu, por favor, entre.

_ Sim, minha Senhora.

O ancião Yu virou-se para entrar na sala. Ele olhou para a garota em pé no centro da sala e disse, com uma expressão de profundo respeito: _ Me pergunto para que tipo de negócio você me chamou hoje, minha Senhora?