Ascensão de um Deus

755 - Le Wei

Autor: Calebe Piccoli Camargo

A menina estava abraçada em um objeto oval branco, o qual emanava uma luz ofuscante e poderosa.

Chi Ziyun com apenas um olhar pode sentir uma quantidade absurdamente alta de vida dentro daquele objeto.

“Hm?...” A menina abriu os olhos lentamente, como se despertasse de um longo sono.

“Olá...” Disseram as quatro jovens em uníssono.

A menina semicerrou seus olhos, como se estivesse com dificuldades para ver de longe e seu rosto parecia investigativo, com aquela aparência, ela parecia uma gatinha observando pessoas estranhas entrando em sua casa.

“Vocês têm o cheiro do papai...” Disse a menininha virando a cabeça para o lado pensativa.

“Papai?...” – Chi Ziyun.

“Uhum, papai, ele é um Dragão! Ele faz fua! fua! fua! fua! Quando voa, tem asas grandonas e é bem forte! Papai é o mais forte!” A menina falava de forma muito animada, balançando seus bracinhos imitando o movimento das asas.

“Q... Quem é... Quem é o seu pai?...” – Lian Mei.

“Hm? Papai é o papai... Ele é um Dragão!” E lá foi ela falando tudo de novo, a menina realmente era fã de seu pai.

As meninas se entreolharam sem entender nada.

“E sua mãe?...” – Wuhan Xie.

“Oh! Mamãe! Mamãe é incrível, mas o papai tem medo da mamãe... Mas eu nunca vi a mamãe lutar... Será que a mamãe é ainda mais incrível que o papai?” Ela fez uma cara de apavorada e surpresa como se tivesse tido uma epifania.

As meninas se entreolharam e pareciam dizer: “Que?!”

“Porque você disse que temos o mesmo cheiro que o seu pai?...” – Min Jia.

“Meu pai tem um cheiro engraçado... Ele tem cheiro de vida, neve, fogo e inteligência...” A jovem disse de uma forma totalmente desconexa e sem sentido.

As meninas ainda estavam totalmente sem entender nada.

“Entendo... E o que é isso que você tem?...” Chi Ziyun apontou para o ovo que a menina abraçava.

“É a minha irmãzinha! Papai e mamãe disseram para eu cuidar dela, até ela estar pronta...” Disse a menina animada.

“Não sabia que Dragões colocavam ovos...” Murmurou Lian Mei com um tom de surpresa.

“Ovo? Isso não é um ovo, isso é um Casulo da Vida. Mamãe disse que eu sou forte para cuidar dela...” Disse a jovem olhando para as meninas a sua frente como se isso fosse algo óbvio.

“Casulo da Vida?...” – Chi Ziyun.

“É um poder legal da mamãe, quando ela tem um bebê ou uma das minhas outras mamães, ela os coloca dentro de um Casulo da Vida, para que eles possam absorver nutrientes da Criação, nascendo muito mais fortes do que os outros. Eu nasci assim, sou bem forte...” Disse ela com um grande sorriso.

“Qual o nome da sua mãe?...” – Min Jia.

“Ela se parece com a mamãe...” Disse a menina apontando para Chi Ziyun.

“O nome do seu pai é Le Chang?...” A voz de Wuhan Xie tremia um pouco.

“Sim! Papai é Le Chang! Vocês conhecem o papai?!” A menina estava muito animada.

“E sua mãe é Chi Ziyun?...” – Lian Mei.

“Sim! Mamãe é Chi Ziyun! Que legal, vocês conhecem meus pais?...” Disse a menina.

As meninas se entreolharam sem entender nada.

“Eu sou Chi Ziyun...” Quando ela disse isso, também trouxe todo o seu poder para fora, o que fez o pico da montanha tremer.

Ela nem percebeu quando caiu no chão, a menina havia pulado nela e se agarrado no seu pescoço abraçando-a de forma extremamente animada.

“Mamãe! Mamãe! Quanto tempo sem te ver mamãe!”

Chi Ziyun não estava entendendo nada.

“Eu sou Chi Ziyun, mas eu não lembro de ter uma filha como você...” Chi Ziyun disse de forma triste e um tanto quanto temerosa de poder ferir os sentimentos da jovem.

“Eu sei, eu ainda não nasci nessa época. Mamãe está bem jovem, mas parece muito fraca, que estranho. A mamãe de onde eu vim era muito forte, o papai ficava apavorado com ela e saia correndo...” A menina ria animadamente e balançava seus bracinhos tentando explicar as coisas.

“Espera, nessa época?...” – Lian Mei.

“Hihihi! É que eu meio que usei um artefato do papai sem ele saber, acabei parando aqui, agora eu estou tentando voltar o mais rápido possível antes que ele descubra, senão ele vai ficar bravo...” Disse ela rindo, afinal, seu pai ficar bravo com ela no máximo dizer: “Não faça isso de novo, tome aqui um brinquedo novo...”

Le Chang nunca foi muito severo com as crianças, era quase óbvio que o papel de impor limites era feito por Wuhan Xie, Lian Mei, Chi Ziyun e Min Jia.

De qualquer forma, elas claramente estavam confusas.

Min Jia então começou a falar através do Sentido Divino com as demais.

“Pelo que me parece ela é filha de Chi Ziyun e Le Chang em um futuro bem distante, deve ter usado algum poder desconhecido e acabou sendo levada a ficar nessa parte da Realidade, além disso, ela disse que a irmãzinha dela está ali dentro, mas é filha de quem?...” – Min Jia.

“Isso não está meio estranho? Como ela não reconheceu Chi Ziyun? Ela é mãe dela, mesmo nova ela deveria ter reconhecido instantaneamente...” – Lian Mei.

“Não só isso, tudo está esquisito...” – Wuhan Xie.

“Eu não reconheci a mamãe no começo porque aqui ela está com uma aura muito diferente e ela se parece mais com a minha irmã mais velha...” A menina falou com elas através do Sentido Divino e elas ficaram pasmas, ela era capaz de interferir na conversa entre a Dimensão Espiritual de duas pessoas?

“Como assim?...” – Chi Ziyun.

“Mamãe muito nova parece a Le Liang, mamãe de onde eu venho parece ter trinta anos, não vinte. Além disso, mamãe do futuro é muito forte e é uma deusa muito forte, mas mamãe de agora é fraca e a aura também. Eu pensei que havia sido levada para o passado da Cidade Divina, a Le Liang e minhas outras irmãs mais velhas vivem lá, mas o papai sempre disse que voltar no tempo é perigoso e pode acabar alterando o futuro, então eu não quis dizer para vocês quem eu era...” A menina dizia pensativa.

“Cidade Divina? É melhor pararmos de conversar, se você realmente veio do futuro, quando menos nós soubermos, melhor vai ser...” – Min Jia.

“Oh! Qual é o seu nome?...” – Wuhan Xie.

“Meu nome é Le Wei, eu sou a Quarta Filha de Chi Ziyun, a Deusa Suprema da Vida. Me chamam de a Encarnação da Santidade...” No mesmo instante, Le Wei simplesmente mudou completamente.

Ela cresceu muito, tornando-se uma linda jovem de vinte anos, com longos cabelos prateados e olhos felinos, seu corpo era escultural, mas sua beleza estonteante não era o que mais surpreendia, e sim o poder imenso que residia com ela.

“Desculpe a cena de antes, eu precisava confirmar que vocês eram realmente vocês, afinal, eu tenho uma mensagem importante para entregar para vocês, minhas mães...” – Le Wei.




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.