Ascensão de um Deus

752 - Fim da Linha!

Autor: Calebe Piccoli Camargo

Aquela presença, densa e cheia de soberania, deixava claro que a batalha havia tido uma reviravolta completa.

Nesse instante, Ze Sin chegou ao local e ficou alguns metros de Chi Ziyun e Min Jia, as quais protegeram Ge Mei do poderoso golpe.

A Princesa da Guerra claramente estava temerosa, mesmo ela não sendo antagonista em relação ao poder puro e santo que emanava das jovens, ela ainda sentia um grande desconforto ao olhar para elas.

“Fique com ela, os ferimentos não são graves, mas ela precisará de dois dias para se recuperar totalmente. O resto do grupo está ileso, mas pode deixar que nós protegemos eles...” A voz de Chi Ziyun soava normal, uma voz feminina, sensível, sutil, mas cheia de poder.

Ze Sin surpreendeu-se pela presença daquelas palavras e rapidamente correu pelo solo até Ge Mei.

Chi Ziyun moveu sua mão e algumas pílulas voaram até alguns centímetros de Ze Sin e ficaram flutuando, esperando que ela as pegasse.

“Certo... Certo... Acho que agora é a vez de vocês, não?...” A voz de Lian Mei soava animada, ela estava ansiosa por uma batalha.

Vuz Lik nem percebeu quando uma espada veio em um arco vertical contra sua cabeça, ele foi capaz de defender-se ao reagir no último instante, mas o que aconteceu com Ge Mei, também houve com ele.

O ser parecia um meteoro caindo em direção ao solo pantanoso, o dano em seu corpo havia sido pequeno, mas a diferença de poder havia sido deixada clara.

Os três realmente tinham forças comparáveis às das meninas, mas, ter um poder igual e, usar ele do mesmo jeito, são coisas bem diferentes.

Além disso, a força dos três eram comparáveis a das meninas no quesito do Caminho da Verdadeira Magia, se elas usassem Qi, Energias e todas suas cartas na manga, eles não teriam chance nem de piscar antes de serem decapitados.

No instante seguinte, Yo Vu e Mu Gu também foram alvos.

Quem os enfrentava era Wuhan Xie, sozinha e usando apenas magia, ela se mostrou superior no uso e na compreensão da Mana.

Dragões de Gelo eram invocados de todos os lados e tufões traziam a Era Glacial para o Pântano.

Raios começaram a aparecer por todos os lados e choviam lanças de gelo por todos os lados.

Wuhan Xie não lutava apenas contra os dois, mas contra todos os demais seres malignos abaixo.

Dos trezentos, levando em conta aqueles que foram mortos pelo Grupo da Heroína e da Princesa, sobraram cerca de cem seres da Tribo Maligna, mas seus números diminuíam rapidamente com os golpes de Wuhan Xie.

Enquanto isso, Lian Mei trocava golpes a velocidade singular com Vuz Lik.

Aquela espada extremamente pesada que ele balançava orgulhosamente, era inútil contra a jovem à sua frente, na realidade, os golpes dela eram muito mais pesados que os dele, mesmo a espada usada por ela sendo uma fina Katana Branca.

“Quem são vocês?...” Vuz Lik pensou alto demais e acabou falando em alta voz.

“Nós? Hm, você pode nos chamar de Fim da Linha!” Lian Mei conjurou uma habilidade extremamente poderosa, na qual sua Katana era cercada por uma camada de Mana e era alterada para tornar-se em uma chama extremamente concentrada.

A ponta daquela Katana estava tão quente que era capaz de cortar Mithrill como faca quente na manteiga e foi o que aconteceu com a espada de Vuz Lik.

Ele tentou usar para se defender, mas ela foi inútil, a Katana de Lian Mei cortou a espada dele facilmente e continuou seu caminho até o seu ombro esquerdo, cortando e cauterizando o braço esquerdo do ser maligno a sua frente.

“AHHHHHHHHHHHHHHHHH!” Berra Vuz Lik de dor, seu rosto amedrontado deixava claro que ele finalmente havia sentido Medo!

Ao mesmo tempo, Wuhan Xie já havia finalizado com todos os peixes menores e Yo Vu, junto de Mu Gu, estava repleto de ferimentos.

O braço direito de Yo Vu estava congelado e obviamente havia sido destruído permanentemente.

Mu Gu havia tido uma perna congelada.

A luta não era difícil para Wuhan Xie ou Lian Mei, mas enganasse quem pensar que elas estavam lutando sem usar todas as suas forças.

Em batalhas de grandes combatentes, apesar de serem capazes de esmagar planetas e vaporizar estrelas, ninguém usaria um poder de larga escala como esse.

Não porque eles eram bonzinhos e não queriam destruir a natureza ao seu redor, mas sim porque era milhares de vezes mais efetivo condensar todo o esse poder destrutivo em uma área muito menor e causar um dano mais definitivo em seu oponente.

Lian Mei usava todas suas habilidades na Arte da Espada e seu poder destrutivo no Caminho da Verdadeira Magia não deixava a desejar.

Ela estava levemente surpresa com o quão difícil era lutar contra Vuz Lik, afinal, quando ela cortou a espada do ser, ela na realidade estava tentando cortar ele ao meio e não apenas o seu ombro.

Yo Vu e Mu Gu também estavam segurando bem a batalha contra Wuhan Xie, mas a variedade de magias que ela conhecia era bem maior que a dos seus oponentes.

Além disso, Wuhan Xie era uma mestra nessas magias, suas mãos moviam-se como se ela conduzisse a maior e mais poderosa orquestra da existência.

A soberania e divindade ao seu redor era realmente surreal.

E assim, com o tempo e o poder do lado delas, não demorou para que os três seres malignos e todos os outros oponentes fossem derrotados.

Elas não os mataram, não, o interrogatório era necessário.

Vuz Lik terminou a batalha sem um braço, uma perna e com uma perfuração em seu peito.

Yo Vu e Mu Gu tinham perdido um braço e uma perna respectivamente, mas também alguns órgãos internos, que acabaram sendo congelados por Wuhan Xie.

Min Jia andou lentamente até Vuz Lik e levou seu dedo indicador entre as sobrancelhas do ser maligno e enviando uma onda de Energia Mental, manipulando diretamente a alma e o espírito do oponente, ela conseguiu descobrir todos os seus segredos.

“Entendo, essa é a força atual de vocês?...” Murmurou Min Jia olhando para Ze Sin que estava sentada no chão, enquanto Ge Mei estava deitada com a cabeça apoiada no colo da Princesa da Guerra.

Ela já estava consciente e havia presenciado boa parte da batalha.

O mais surpreendente era que Wuhan Xie e Lian Mei nem mesmo sujaram seus mantos brancos e não estavam nem perto de estarem cansadas.

Ze Sin estava curiosa para perguntar o que Min Jia havia descoberto, mas ela não sabia como falar.

A única coisa que ela sabia sobre os quatro seres de branco a sua frente era que todas eram mulheres, mas nada além disso.

Suas mãos estavam cobertas por luvas brancas, ou seja, nem um milímetro de suas peles estava a mostra, isso era para impedir que qualquer aura indesejada vazasse, afinal, elas queriam manter o disfarce de serem do Clã Dragão que havia naquele lugar.




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.