Ascensão de um Deus

642 - Fique Calmo

Entretanto, quando ele estava para chegar perto de Ke Kini, ele congelou no espaço e então o Tigre Divino transformou-se em sua forma humana.

Ele era alto, com quase três metros de altura, em suas costas jazia uma grande espada, tão linda e poderosa que nem mesmo todas as raridades de Le Chang comprariam tal item.

O homem tinha cabelos brancos e volumosos que desciam até o centro de suas costas, seu corpo era musculoso, mas ele tinha uma certa leveza e agilidade visíveis que não condiziam com seu grande corpo.

A pressão que emanava de seus olhos felinos, era assustadora.

“Fique calmo... Eu não matei ninguém...” Ke Kini estalou os dedos e dezenas de milhões de pessoas cobriram o céu do local.

Os números eram incontáveis e todos eram aliados de Le Chang.

Ke Kini observou com certa surpresa o número de pessoas, afinal, ele chegou a ficar com medo por alguns décimos de bilionésimos de segundo quando milhões de pessoas adentraram no seu Reino Dimensional, mas ele foi capaz, neste instante de tempo, de analisar o poder de todos e viu que ninguém era seu oponente.

Então, apenas destruiu a Plataforma e moveu todos pelo espaço.

Le Chang olhou rapidamente para o céu e viu uma pessoa em especial, sua mãe.

Ele correu até ela e a abraçou, uma lágrima escorreu de seus olhos, afinal, por um instante, ele pensou que havia perdido alguém muito importante para ele.

Então, alguns segundos após o fim da comoção, Le Chang virou-se para Ke Kini.

“Você é o Deus dos Tigres Divinos, certo?...” – Le Chang.

“Exato e você seria o Deus do que ou de quem?...” Ke Kini perguntava com curiosidade, porque devido ao poder da Energia Dourada, ele não era capaz de analisar perfeitamente o jovem à sua frente.

“Eu sou o Deus dos Dragões, Deus dos Demônios e Deus Élfico...” Ao mesmo tempo que ele falou, Xiong Lin, Seiryuu e Gao Yao ficaram lado a lado com ele.

“Entendo... Estou surpreso por alguém tão fraco ser o Deus de não uma, mas três Raças Divinas e ainda das mais fortes...” Ke Kini se aproximou de Le Chang como tentasse cheirar o jovem em busca de evidências.

Le Chang ficou estático, afinal, ele não era capaz de se mover.

Nesse instante, outra comoção soou, quando algumas pessoas poderosas apareceram.

Um senhor de idade avançada, usando um grande manto, um cajado dourado e um chapéu marrom, levemente pontiagudo, mas também caído para trás.

Ao redor do seu chapéu, era possível ver algumas chamas, pedras, esferas d’água e furacões, como se ao redor de sua cabeça fosse o nascimento dos Elementos da Magia.

Ao lado dele, uma jovem de cabelos vermelhos e olhos de mesma cor, soava imponente com uma grande armadura dourada, nas suas costas havia uma espada que parecia clamar superioridade acima de todas as outras.

Havia também uma outra mulher, essa um pouco mais velha, talvez na meia idade, ela vestia uma armadura de couro leve e duas adagas pendiam na sua cintura.

Um outro homem, de meia idade, jazia com um grande cajado em sua mão direita, este item era feito de videiras e flores e com sua chegada um cheiro de plantas e perfumes diversos se fizeram presentes.

Le Chang, com um olhar, podia dizer que todos, sem exceção, eram muito superiores a ele.

Em um rápido comparativo, a jovem de cabelos vermelhos, a mais nova do grupo, tinha uma força comparada ao Pico do Dao da Eternidade.

“Pai, você está bem?...” A garota ruiva foi até ele, seus olhos felinos e vermelhos transmitiam uma leve preocupação.

“Hahaha! Jovem Mestra, seu pai é o Deus da nossa Raça, como ele poderia ser sequer tocado por meras formigas...” A mulher com cara de assassina disse de forma debochada em direção ao grupo de milhões de pessoas que jaziam ali.

“Silêncio...” Ke Kini ergueu sua mão e mandou todos que haviam aparecido ficarem quietos, ordem acatada imediatamente.

“Certo, se você realmente é o Deus de Três Raças Divinas, acho que sabe como provar, certo?...” Ke Kini disse para Le Chang.

O jovem assentiu e imediatamente fechou seus olhos.

Alguns instantes depois e três chaves douradas apareceram à sua frente, elas rapidamente se juntaram umas às outras e formaram apenas uma, mais brilhante.

Ke Kini olhou surpreso, realmente não esperando que um garoto fosse o Deus de Três Raças Divinas.

“Desculpe a impetuosidade de minha filha, ela fez apenas vinte anos e ainda carece de aprender algumas coisas... Com relação a minha súdita, ela não fez por mal, nosso Reino Dimensional tem um grande preconceito com o Dao Marcial, acreditamos que seja uma afronta e um atalho ao poder...” – Ke Kini.

“Oh... Desculpe, apesar de trilhar o Dao Marcial, não estou preso a ele...” Le Chang acalmando-se e vendo que Ke Kini estava ali para conversar, deixou seu poder ser liberado pouco a pouco, mas dessa vez, parecia muito mais calmo.

Como se lentamente um oceano antigo e poderoso tomasse forma.

A Mana ao redor dele começou a fluir de forma perfeita, a Energia da Criação e a Energia da Realidade se fizeram presente, o Tempo pareceu desacelerar.

“Eu também posso usar Mana...” Ele moveu sua mão e uma Esfera de Pura Mana se fez presente e naquele instante, até Ke Kini teve que abriu sua boca em total surpresa.

Apesar dele ter sentido grandes quantidades de Mana anteriormente vindo de Le Chang, ele pensou que o jovem tinha algum item com ele que pudesse usar tal Energia ou que alguém junto com ele fosse um Mago, mas não havia notado que o garoto era a fonte do poder.

Enquanto isso, flutuando no céu, como uma nuvem infinita, o grupo da Seita Dragão mostrava-se imponente, apesar da total discrepância na força deles com o pequeno grupo de Ke Kini.

A frente do grupo, se faziam presentes Lin Bo, Lu Na, Reo Song e Shao Yang.

Até mesmo Ras Liang e Bai Chen estavam ali, os seres salvos por Le Chang no Cemitério das Eras, a jovem Guan Bo e seu avô, bem como os sogros e sogras de Le Chang.

Ke Kini olhou para aquele grupo e não pode deixar de se fazer surpreso, com exceção de Ras Liang e Bai Chen que claramente emanavam uma sensação de morte e destruição, mesclados a uma sede de sangue poderosa, todo o restante, estavam calmos e concisos.

Não havia ninguém perdendo a cabeça ou querendo matar seus oponentes, ele viu que apesar da beleza de sua filha, nenhum olhar malicioso estava sendo enviado em sua direção e não pode deixar de dar um grande polegar para cima para Le Chang.

“Seu grupo é ótimo garoto... Bom, acredito que precisamos conversar, certo?... Kay Tig, leve todos os aliados do garoto de volta para o Planeta no Reino Dragão que estava ligado com aquela plataforma, deixe aqui apenas aquela mulher que o garoto correu até ela, afinal, ela é sua mãe...” Ke Kini deu as ordens e o Mago com o cajado de plantas assentiu, batendo o cajado no meio do ar e então todos desapareceram.

Lin Bo moveu-se na direção das meninas e ficou lado a lado com elas.

“Ke Mei, leve a Senhora, junto das Esposas, filhos e filhas, do jovem, bem como aquela garota ali, para conhecer o Palácio Real, conto com você...” Ke Kini sinalizou para sua filha e ela levou as meninas, as crianças, Lin Bo e Fun Mei com ela e todo o restante do grupo, desaparecendo pelo espaço.

Sobrou apenas Le Chang e Ke Kini, flutuando no céu do pequeno planeta.

“Vamos?...” Ke Kini tocou o ombro de Le Chang e sem esperar resposta, moveu-se pelo espaço, levando consigo o jovem.




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.