Ascensão de um Deus

630 - Apenas Brincando

Uma presença pura, atingindo um nível de santidade jamais visto ou sentido pelos presentes, emanava e parecia que sua fonte fosse a totalidade da criação.

Xiong Lin brilhava em um tom esverdeado, chamas dessa cor explodiram ao seu redor e algumas chamas eram douradas, como se não pudessem ser expressadas de outra maneira além da cor dos deuses.

Seus olhos e cabelos tinham todas as cores existentes, mas agora estavam tão intensas que eram quase impossível olhar em sua direção.

Sua beleza deslumbrante invadiu a mente de todos e sua presença parecia falar com o âmago da existência das pessoas que dirigiam o olhar para ela.

Hellg estava totalmente surpreso, mas não apenas ele.

Chi Ziyun sentia a Centelha Divina da Vida gritar, como se quisesse retornar para a sua dona original, mas não demorou para que o poder da jovem acalmasse a centelha, contudo, ainda assim, milhares de fios de Energia da Vida foram em direção a Xiong Lin.

Não longe dali uma sensação de infinidade, como se tudo e todos fossem apenas migalhas frente a tal presença, elevou-se de forma exponencial.

Seiryuu era coberto por chamas brancas e seus olhos receberam um tom dourado avermelhado.

Sua presença parecia mais afiada que todas as armas existentes.

E isto era tão palpável que era possível ver uma fina linha branca que se elevava sobre a cabeça de Seiryuu, como se a ponta de uma espada estivesse saindo de uma dimensão desconhecida.

“Vamos lutar...” Hellg arregalou os olhos ao ver Gao Yao frente a frente com sua cabeça, movendo-se tão rápido que nem seu cérebro foi capaz de acompanhar os movimentos do Deus Dragão do Caos.

Hellg levou um soco em sua face que o fez ser atirado a uma velocidade quinhentas vezes maior que a do som.

Inúmeras explosões sucessivas foram criadas conforme ele ia quebrando várias e várias vezes a barreira do som.

Hellg ergueu-se rapidamente e levou a mão em seu rosto e assim que a trouxe até sua linha de visão, viu alguns pedaços de ossos, carne e dentes espalhados em sua palma.

Sangue jorrava por todos os lados.

“Ele destroçou meu rosto com apenas um soco?...” Pensou Hellg.

A boca de Hellg estava escancarada, parcialmente pelo dano e outra pela surpresa.

Não demorou para que ele sentisse algo em seu tórax, o que fez levar seu olhar para baixo e viu dezenas de furos feitos por um Sabre feito de pura Energia Yang.

Ao longe, uma voz doce e suave, mas carregada de puro poder, se movia pelo tecido da criação.

“A vida nasceu como o fogo nasce, cheio de poder e presença. A vida morre como o fogo, sempre deixando seus vestígios para trás. A vida é o mais alto grau de santidade e poder, pois representa não apenas os seres vivos, mas toda a lógica da criação, afinal, do que adianta pintar o mais belo quadro sem uma plateia para o apreciar? Então, do que vale toda a criação sem seres para à apreciarem? Que a Vida eleve-se ao patamar de espectador e mostre a tudo e todos que nem mesmo a maior dor é capaz de frear o seu avanço...”. As palavras de Xiong Lin eram como as notas de um violino, entoadas com perfeição por um mestre e que a cada som emitido por seu instrumento, encantava e emocionava.

Ao mesmo tempo, seres dourados imensos foram invocados, os mesmos que Chi Ziyun havia invocado anteriormente, mas, desta vez, eles estavam em maior número e com um poder muito mais denso, afinal, o poder de Xiong Lin neste estado era comparável ao Início do Dao do Poder, sendo assim, a diferença para o que ela podia fazer, com o que Chi Ziyun podia, era como o céu e a terra.

Os seres dourados dispararam contra Hellg e um embate épico teve início.

Seres Dourados gigantes lutavam contra um colossal demônio, que movia sua espada de centenas de metros com uma maestria assustadora.

Sua carne sofria dezenas de danos, mas se recuperava muito rapidamente.

Além disso, seu poder crescia conforme o poder dos três oponentes crescia.

E assim foi, até que chegou o primeiro dia do Quinto Mês do Ano.

Nesse instante, ambos os lados haviam usado praticamente a totalidade de suas energias.

Gao Yao, Xiong Lin e Seiryuu ofegavam pesadamente, sendo que o Antigo Deus Dragão e o Antigo Deus Demônio, ambos, tinham perdido um dos braços.

Xiong Lin tinha um grande corte em seu rosto, manchando sua beleza divina.

O olhar do grupo era resoluto e não era para menos, Le Chang tinha fios de sangue que escorriam constantemente de suas narinas, ouvidos, olhos e boca.

Ele claramente estava sofrendo uma dor excruciante e um dano colossal, por ter que suportar o poder de três títulos divinos, por meses, correndo por seu corpo.

Hellg também não estava em sua melhor forma, tendo perdido um de seus braços e uma de suas pernas, ele se mantinha em pé apoiando-se em sua espada.

“V... Cof... Cof... Cof! Vocês.... Realmente são poderosos, mas, mesmo assim, vão acabar derrotados por mim.... Sabem porquê? …” A voz de Hellg mudou e se em algum momento ele teve algum respeito pelo grupo, isto já não mais existia.

Restava apenas um ódio descomunal e uma presença densa e mortal, como se tudo dissesse para que todos ali fugissem e não mais voltassem.

E então, em um estalar de dedos, Hellg simplesmente se recuperou perfeitamente, sua perna, seu rosto, braço e todos os outros danos, graves e superficiais, foram desfeitos como em um passe de mágica.

Não era nem preciso dizer que todos estavam totalmente estáticos, não tendo entendido nada do que acontecia.

“Eu passei eras, tempo suficiente para ver mundos se formando, estrelas nascendo, reinos indo e vindo, Deuses caindo e Deuses se erguendo, vi gênios elevando-se ao mais alto nível e outros morrendo no meio do caminho.... Mas vocês se esqueceram que apesar de tudo, eu sou alguém da Primeira Era, eu vi os verdadeiros Deuses com meus próprios olhos, eu vi o poder nascendo, eu vi a lógica sendo usada pela primeira vez, eu vi o início de tudo, acharam que por estar preso a esta Dungeon eu, o Primeiro Pilar da Destruição seria totalmente pacífico e não usaria meus poderes para tentar me libertar?...” Hellg dizia com uma calma e eloquência assustadoras.

Ele deu um passo e no mesmo instante tudo estremeceu, as paredes se racharam e o teto se desfez.

“Demorou centilhões de anos, para eu aprender a dominar o básico das Leis que regem esta Dungeon, levou outra dezena de Centilhões para dominar os níveis médios e atualmente estou perto de tomar o controle total desta Dungeon... Eu consigo ver tudo e todos, vejo o grupo de centenas de seres andando a esmo pela parte de cima, vi vocês quando entraram neste lugar. Eu controlo tudo da minha prisão e precisava apenas de alguém com uma conexão direta com Xiong Long para finalmente me libertar de minhas amarras, você, garoto, quando eu absorver seu poder, finalmente estarei livre e então tomarei toda a Criação sob meus pés...” – Hellg.

O grupo então entendeu, Hellg estava apenas brincando com eles, afinal, ele tinha o poder de toda a Dungeon sob seus pés e eles então entenderam, a razão dele ser o Primeiro Pilar da Destruição.




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.