Ascensão de um Deus

488 - Magia Suprema

“Certo, mas em que sentido você pode nos ajudar? ...” – Wuhan Xie.

“Por algum motivo, após centenas de anos, eu me tornei parte da Dungeon...” Murmurou Faramond, como se tivesse ignorado a pergunta da jovem, mas o grupo rapidamente percebeu que não era o caso.

“Centena de anos? ... Quanto tempo faz que você morreu?” – Lian Mei.

“Não sei, mas, provavelmente, uns dois mil anos...” – Faramond.

“Certo...” – Le Chan.

“Bom, para ser bem sincero não tenho arrependimentos, tive uma vida boa, sucesso razoável e nunca tive família para me preocupar ou deixar tristeza para trás...” – Faramond.

O grupo ficou em silêncio por alguns instantes.

“De qualquer forma, a minha ajuda é a seguinte, as três portas atrás de mim, elas conectam a três túneis, os quais todos têm o mesmo destino... Contudo, todos são extremamente difíceis... Então, concederei a vocês, três opções... A primeira é uma Benção do Guerreiro, a segunda é uma Arma Mágica e a última é uma Magia de Fortalecimento Corporal...” – Faramond.

“Poderia dar alguma explicação sobre cada uma?” – Min Jia.

“Benção do Guerreiro aumentará a defesa, destreza, agilidade, raciocínio, concentração e diminuirá o efeito de Magias Mentais... No segundo caso, eu tenho Arcos, Lanças e Espadas, não são tão incríveis como o meu Machado, mas são ótimas armas... E por último, vocês podem escolher entre Fortalecimento Muscular, Ósseo, Sensorial ou Fortalecimento das Sinapses...” – Faramond.

“Infelizmente não podemos usar nenhuma delas, todas se referem ao uso de Mana do corpo do cultivador e um certo controle sobre ela, o que nós não possuímos, no momento.” – Le Chang.

“Hm... Entendo...” – Faramond.

“O senhor não teria alguns livros? Podem ser de história ou algo relacionado a magia...” – Min Jia.

“Livros? ... Deixa eu ver nos meus pertences...” – Faramond.

Ele então notou o olhar estranho do grupo.

Rindo o homem explicou.

“A Esfera é capaz de guardar meus pertences e a ativação dela requer o custo de todo o corpo do indivíduo, dessa forma, eu ainda mantenho a maioria dos meus pertences, já o Machado e eu mesmo, somos feitos de Mana, os itens que eu ofereci são coisas advindas da Dungeon...” – Faramond.

O grupo assentiu rapidamente e aguardou enquanto o homem busca em seus pertences.

Alguns instantes depois, cinco caixas ficaram à frente de cada um deles.

“Bom, eu não tinha muitos livros, mas estes são os mais significantes...” Faramond disse apontando para as caixas flutuando.

Cada um tinha apenas três livros e todos tinham uma aparência antiga e gasta.

Por mais poderoso que Faramond parecia, ele não era rico e viveu apenas explorando Dungeons e florestas sombrias em busca de aventuras.

O grupo rapidamente foi até as caixas e as abriu.

A frente de Le Chang, os livros eram Reforço Básico do Corpo, Movimentos do Machado Mágico, Controle Básico de Mana.

Chi Ziyun recebeu Controle Básico de Mana, Conceitos Básicos Alquímicos, História Antiga do Reino Tucien.

Min Jia encontrou na caixa os livros Controle Básico de Mana, Estudo Preliminar da Alma, Reforço Básico do Espírito.

Lian Mei ganhou o Controle Básico de Mana, Magias Básicas do Primeiro Pilar do Fogo Sagrado e Reforço Básico dos Cinco Sentidos.

Wuhan Xie tinha o Controle Básico de Mana, Técnica do Despertar do Sentido Mágico, Estudo Inicial das Estruturas Mágicas.

Cada livro tinha pouco mais de trezentas páginas e eram repletos de figuras e afins.

A língua era diferente de qualquer uma que eles haviam aprendido anteriormente e parece que nem mesmo Ma Go saberia traduzir tais livros.

Claro, ela tinha consigo diversos livros sobre Mana, mas, ainda assim, os livros dela eram superficiais e mesmo que alguns tivessem um conteúdo parecido com o livro de Controle Básico de Mana, a diferença era que o livro dado a eles por Faramond era original.

Enquanto Ma Go havia comprado em leilões no submundo, afinal, nenhum cultivador no Dao Marcial era capaz de adentrar facilmente nos Reinos Dimensionais regidos pela Mana.

Afinal, como a maioria dos Reinos, haviam regras para adentrar nele, como o Reino Dragão que exigia Linhagens Draconianas Puras e um poder imenso.

Após um bom tempo com Seiryuu, Le Chang tinha um palpite de que ele precisaria estar no Dao das Leis para ir ao Reino Dragão.

Contudo, ele não perguntou ainda, devido a Seiryuu, Gao Yao e Xiong Lin estarem atualmente cultivando dentro da Dimensão Espiritual do garoto.

Após as sucessivas evoluções de Le Chang, bem como seu aprimoramento físico, espiritual e mental (alma), as melhorias reverberaram sobre as suas Heranças.

Seiryuu era o Espírito do Antigo Deus Dragão, sendo assim, ele usava o Espírito de Le Chang, para refinar e fortalecer o seu, isto não causava ônus a Le Chang, mas Seiryuu devia tomar cuidado, cada erro poderia causar danos severos ao garoto.

Já Gao Yao era a Alma do Antigo Deus Demônio, unido a Personificação da Energia Yin, sendo assim, sua forma de cultivo era diferente.

Gao Yao era envolto por uma grande quantidade de Energia Yin, na sua forma mais pura, que usava para reforçar igualmente, a sua Alma, usando a Energia do Caos como contrapeso.

Dessa forma, as duas partes de Gao Yao, se fortaleciam igualmente.

Já Xiong Lin, era um fragmento do Espírito e da Alma da Antiga Deusa Élfica.

Sendo assim, ela também estava cultivando, fazendo uso da Fonte de Vida de Le Chang para refinar seu poder, dessa forma, ela poderia estabilizar seu poder.

Eles demorariam, alguns meses fazendo este processo e segundo eles, após isto, seriam capazes de terem uma certa autonomia fora do corpo de Le Chang.

Sendo assim, Le Chang disse que criaria Autômatos para que os três pudessem ter corpos reais.

O que deixou eles bem alegres, por mais que não fossem seus corpos reais, ainda seria interessante ter as sensações de ser matéria e não apenas Energia.

De qualquer forma, após pegarem os livros de Faramond, o grupo de Le Chang trocou algumas outras conversas com o homem e decidiu tomar a porta do meio, já que Faramond havia lhes contado o que havia em cada porta como uma forma de igualar o valor da ajuda que havia prometido inicialmente.

Então, após saberem que a porta central era repleta de florestas e afins, o grupo decidiu ir por ela.

Quando eles chegaram à frente da porta não demoraram muito para a abrir e ir em direção ao objetivo.

O que mais surpreendeu é que não havia túnel, mas apenas uma tela negra, aparentemente feita de pura mana e assim que eles passaram por ela, se viram em um local completamente diferente.

A sua frente havia um imenso horizonte, o céu azul brilhava com a luz de vários sóis que estavam ali.

Eles se viram no topo de um morro, onde a grama curta e macia era da cor azul clara, com o gelo das geleiras do norte.

Uma brisa suave acariciava seus rostos, levando o calor da luz consigo e trazendo a sensação de serenidade para a face do jovem e das meninas com ele.

Ao longe, na caída do monte onde estavam, começava uma floresta densa, com árvores de diversas cores, como se todos os arco-íris do universo tivessem tomado a forma de uma bela e mágica floresta.

Pássaros voavam em todas as direções, animais selvagens entoavam seus cantos e sons característicos, e os cinco não puderam deixar de ficar surpresos.

Nos livros de Ma Go ela descrevia as florestas dos Reinos regidos pela Mana, como lugares da mais alta beleza e santidade, não era por mero acaso que nas maiorias destes locais, havia uma Religião que dominava tudo.

Algumas adoravam o Deus Sol, outras o Deus do Mar, alguns o Deus da Noite, Deus da Natureza, Deus da Vida e várias divindades, as quais Ma Go teorizava como sendo os primeiros detentores das Centelhas Divinas, os quais não usavam Qi, mas sim diretamente a Energia, o que os poderia trazer o título de usarem uma Magia Suprema, devido ao fato de que a Mana também era uma Energia, sendo assim, as suas forças eram parecidas.

“Que lindo...” Murmurou Chi Ziyun com um brilho nos olhos.

“Realmente, mas não mais do que vocês...” Disse Le Chang sorrindo amorosamente.

As meninas viraram o rosto para sua direção e riram animadamente, aceitando o elogio carinhoso de seu esposo.




O site Central de Mangás é gratuito e sempre será!

Para colaborar com a existencia do site, por favor,
desative o bloqueador de anúncios.