Ascensão de um Deus

467 - Quem Sou Eu? Vejam!

Os dois irmãos, Ryai Tai e Ryai Mong, bem como a Rainha Fao Mai foram capturados após duas horas de batalha.

No fim, eles não trouxeram o Clã Felin, liderado por Felin Liang.

Não só isso, mas a Seita da Escuridão também não estava participando da ofensiva.

O motivo era simples, Kain Kong não podia abertamente trazer todos os Clãs e forças para atacar o Clã Élfico, afinal, até certo ponto eles eram completos inocentes.

Não só isso, mas ele sabia que mesmo se os Elfos fossem culpados por algo, nem todos os Clãs teriam coragem de se voltar contra eles, afinal haviam vários Clãs Élficos na Galáxia Leão.

Grande parte deles eram conectados, sendo assim, nenhum deles deixaria o outro ser exterminado.

Sabendo disso, ninguém era tolo de atacar sem mais nem menos.

Além disso, havia o fato de que Kain Kong estava agindo completamente em prol de seus interesses pessoais por poder e não em benefício do Império que ele controlava.

No fim, a maior força de Wuhan Xie, Lian Mei, Chi Ziyun, Min Jia e Le Chang não eram suas Heranças, Energias, Habilidades ou qualquer coisa do tipo, a violência não é força, mas um reflexo da fraqueza interior, sendo assim, o maior poder que eles possuíam era a sua sabedoria.

Um Rei poderoso não é aquele que vence todas as batalhas, mas aquele que consegue evita-las.

Este era um conhecimento que apenas os que levaram a fundo o ato de pensar, não em si, mas no coletivo, a um alto nível, é assim que a sabedoria nasce.

Então, Wuhan Xie, Min Jia e Lian Mei, usaram a sabedoria para superar a força, e ela sempre supera.

Mais forte que a espada de um Deus é a sua palavra, mais certeiro que a flecha que voa em direção ao seu alvo é a caneta que se aproxima do papel.

Sempre foi, é e sempre será a Sabedoria que governa o ápice, claro, ela é acompanhada pelo poder, mas este sempre vem em segundo plano, afinal, do que vale ser capaz de rasgar galáxias com as próprias mãos, mas ser incapaz de manter a paz nos Planetas que a compõem.

De qualquer forma, as coisas saíram da maneira que as garotas haviam imaginado, cada detalhe, cada nuance foi pensada.

..................................................................

Enquanto isso, no Quartel General Élfico, Wuhan Xie, Lian Mei e Min Jia estavam sentadas em tronos ao redor de uma mesa.

As Três Magas Supremas também estavam ali, logo ao lado das meninas.

Do outro lado da mesa estavam Fao Mai, Ryai Tai e Ryai Mong, obviamente selados por formações sob o local onde se assentaram.

Ryai Tai tinha seus olhos repletos de ódio, afinal, havia perdido sua mão quando tentou tocar o casulo que protegia as jovens.

“O que vocês fizeram com meu marido?...” Fao Mai estava apreensiva, afinal, isto não deveria acontecer.

“Hm... Pelos meus cálculos ele deve chegar aqui em três dias...” – Min Jia.

“Três dias?...” Até a Maga Suprema da Terra ficou surpresa.

“Em situações normais ele chegaria aqui e seis horas, mas ele terá que ficar um bom tempo para retirar o veneno de seu sistema...” – Wuhan Xie.

“Ele não percebeu todos os detalhes, não que ele não seja inteligente, mas é que seria irracional pensar nas ações corretas que fizemos...” – Lian Mei.

“Além disso, ele provavelmente apenas extinguiu a nuvem de Energia Mental em sua Dimensão Espiritual, mas ainda falta expulsar as propriedades medicinais presentes em seu corpo, os quais diminuirão sua força em várias vezes...” – Min Jia.

“Mas não poderíamos ter feito tudo isso e atacar ele com força total? Seria mais cômodo deixar ele por perto...”. Quem falou era um Elfo grande e forte, seu cultivo era um dos poucos que estavam no Dao Santo, estando ele no 4º Grau.

“Se nós aproveitássemos de sua fraqueza momentânea, não é certeza de vitória, alguém como ele teria maneiras de escapar com vida mesmo fragilizado, não podemos esquecer que ele está no Dao do Santo Rei... Seu corpo é poderoso, e claro, foi fragilizado, mas ele ainda teria a força de alguém no Pico do Dao Santo...” – Lian Mei.

Enquanto isso, Fao Mai e os dois Generais estavam calados, observando a conversa com atenção.

“Se vocês tocarem na rainha, o Rei destruirá vocês! ” Rugiu Ryai Tai, após não suportar mais ficar em silêncio.

“Ninguém tocará na sua Rainha e o seu Rei não destruirá ninguém...” – Min Jia.

“Digam, por que vocês nos atacaram?...” – Wuhan Xie.

“Hmpf! Criminosos devem apenas esperarem a morte descer sobre vocês...” – Ryai Tai.

Ele mal terminou sua frase e uma dor aguda foi enviada ao seu cérebro.

Ele olhou para baixo e viu uma adaga crava no seu ombro direito, de forma que a ponte saia nas suas costas.

“Um mero Humano ousa se sobrepor a nós Elfos? ” Quem falou foi Bang Tong, um outro Elfo no Dao Santo, este no 5º Grau.

Ryai Tai não ousou responder, era óbvio que a compaixão não estava em oferta.

Fao Mai era uma Rainha, sendo assim, tinha um pouco de sabedoria, até maior que a de Kain Kong que se movia por desejos banais.

“Ele quer seus Núcleos de Qi...” – Fao Mai.

“Oh!... E para que seria?...” – Lian Mei.

“Absorver e assim se fortalecer...” – Fao Mai.

“E desde quando existe tal Habilidade? ” – Bang Tong.

Fao Mai suspirou e levou seus olhos para o teto como se sentisse suas memórias trazendo à tona tristezas já esquecidas.

“A jovem que foi morta há muito tempo era minha filha e de Kain Kong... Naquela época éramos apenas Anciões no Império, mas depois deste acontecimento, lentamente as coisas foram se distanciando... Até a morte dela, Kain Kong era uma boa pessoa, mas depois... Ele sucumbiu ao poder do Atributo da Escuridão...” – Fao Mai.

“Poder da Escuridão?...” – Lian Mei.

“Eu não me importo de falar, sinceramente, mas poderíamos fazer isto a sós?...” O olhar de Fao Mai estava triste e sua face antes cheia de poder e ódio, foi substituída por uma fragilidade que ela jamais transpareceu.

Após isso, Wuhan Xie sinalizou para todos e apenas Fao Mai e as três jovens ficaram no recinto.

Então, assim que confirmou não haver ninguém ao seu redor, ela começou a falar.

“O Atributo Escuridão, bem como o Atributo Caos, ambos são advindos da Energia Yin, praticamente de forma direta, é um dos poucos Atributos que derivam de Energias e não de Qi, todavia, para a maioria das raças, fazer uso de algo voltado a Energia Yin é extremamente maléfico para o corpo...” – Fao Mai.

“Isso quer dizer que Kain Kong buscou uma Fonte Yin para elevar o poder dos Atributos em seu corpo? ” – Wuhan Xie.

“En!... Com a morte de nossa filha, uma grande tristeza sobreveio sobre nós, mas Kain Kong beirou a insanidade e naquela época um Demônio formou-se dentro de seu coração, uma falha que jamais permitiria ele a elevar-se no Caminho do Cultivo.... Todavia, em uma de suas viagens, ele retornou completamente diferente...” – Fao Mai.

“Diferente como?...” – Min Jia.

“Eu não sei dizer exatamente o que, mas ele parecia mais forte, sua presença era mais firme e o Demônio em seu coração parecia ter sido domado, mas não erradicado.... Era como se ele houvesse pedido ajuda para o mal que havia dentro de si...” – Fao Mai.

“Se você diz isso, provavelmente foi ele quem causou a ruptura dos três clãs?...” – Min Jia.

“Sim e não... Os Três Clãs estavam a um bom tempo com problemas internos, a morte de nossa filha foi apenas a última gota que fez tudo transbordar... Depois disso, Kain Kong começou a reunir forças e lentamente destruiu de vez os laços entre os três Clãs...” – Fao Mai.

Ela ficou um tempo em silêncio, as memórias de sua filha eram realmente dolorosas.

“Com o passar do tempo, a Aura Maléfica ao redor dele foi se tornando mais sinistra, mas ao mesmo tempo foi ficando mais densa e concentrada... Até o ponto de que ele não emana mais ela, é como se ele tivesse sido totalmente alterado pelo que há dentro dele...” – Fao Mai.

“E porque você está nos contando isso?... Afinal, você veio com um exército imenso nos atacar e não parecia estar com vontade de conversar, quem dirá desabafar...” – Lian Mei.

“.... Eu o amo.... Ele é a única família que me resta.... Eu vim com ele para ajudar ele a cumprir seus desejos, se ele absorvesse seus Núcleos de Qi ele poderia facilmente erradicar os outros dois Impérios... E bom, eu também quero vingança...” – Fao Mai.

As garotas analisavam tudo que a mulher falava.

O assento onde ela estava tinha formações que liam em tempo real suas funções vitais, como batimentos do coração e até mesmo a concentração hormonal em seu sistema.

Era como o poligrafo mais avançado que existia.

“Todavia, isso não importa mais... Nesta batalha, quase 1/3 de nosso Exército foi destruído, bem como alguns combatentes no Dao Santo foram mortos, eu fui capturada e meu marido vai demorar para chegar... O Clã Élfico obviamente tem espiões dos outros impérios, neste momento eles devem ter recebido tais informações e se preparam para atacar o Império Kain...” – Fao Mai.

Ela dizia isso pelo simples fato que a família imperial também tinha seus espiões no Clã Élfico, mas não só aqui como no território de seus inimigos, sendo assim, se eles tinham, os demais também teriam.

Balanceando as perdas e possibilidades, ela chegou a conclusão de que o Império Kain estava chegando ao fim.

Mesmo que Kain Kong conseguisse vir até aqui, até com sua força total seria complicado levar o Núcleo de Qi das três jovens, afinal elas já o derrotaram uma vez, não seria impossível fazerem novamente, ainda mais agora que tinham uma grande quantidade de reféns.

“Vocês falaram que em três dias meu marido se recupera, mas é provável que em dois dias o Império já tenha sido tomado...” Fao Mai suspirou em desamparo.

Min Jia, Wuhan Xie e Lian Mei também pensaram nas possibilidades e os pensamentos da Rainha não eram errôneos, a chance de uma invasão era grande.

Todavia, em a conversa, uma Aura foi sentida ao longe da Floresta Élfica.

O som de alerta soou por todos os locais e deixava claro que um ataque se aproximava.

As garotas se entreolharam e se mesclaram ao espaço aparecendo no céu acima da Floresta.

Ao longe um vulto negro se aproximava em alta velocidade.

Até que finalmente parou a duas milhas das jovens, ele era Kain Kong, mas sua face havia mudado.

“Oh!... Quem diria que encontraria vocês tão cedo novamente?...” – Kain Kong.

“Quem é você?...” – Min Jia.

“Hm? Quem sou eu?... Vejam! ” No instante seguinte uma Aura Demoníaca explodiu do corpo de Kain Kong e ao mesmo tempo uma Caixa de Pandora saiu do anel de armazenamento do homem.

“Eu sou Bai Fan! O Rei Demônio! ” – Kain Kong.


CAPÍTULO NORMAL DO DIA 07/05/2018