Ascensão de um Deus

443 - A Supremacia do Mal

Wuhan Xie, o Dragão Azul, disparou para o céu, abriu sua boca e um rugido diferente apareceu.

 

Silencioso, mas carregava consigo uma dignidade, como se fosse a brisa que anunciava a chegada do inverno.

 

O Aro sobre sua cabeça girou rapidamente e dele algo surreal apareceu.

 

Uma imagem imensa de Wuhan Xie, em sua forma humana, foi projetada, como uma santa em sua mais perfeita aparição.

 

Esta imagem tinha milhares e milhares de metros de altura.

 

Ela estava com os braços levemente estendidos à frente e com as palmas viradas para cima.

 

Em sua cabeça havia um lindo diadema feito de gelo, seus olhos era como duas Centelhas do Gelo Divino.

 

Seu corpo era coberto por um vestido longo e belo, atrás dela havia um imenso trono de gelo, e a base do trono parecia ser firmada diretamente nas Leis da Realidade.

 

Então, lentamente, os olhos de Wuhan Xie desceram sob o Dragão da Energia Yang.

 

“Ajoelhe-se! Eu sou…” O resto de sua frase não pode ser ouvida, como se ninguém fosse digno de ouvir o que ela era, porém, o ar de poder divindade que emanou de suas poucas palavras, fizeram com que o Dragão Branco caísse ao solo.

 

No instante seguinte, o Dragão Azul disparou contra ele e lhe mordeu o pescoço, então, a queima-roupa, Wuhan Xie trouxe um rugido imenso, o qual congelou todo o crânio do oponente, o levando a morte.

 

Enquanto isso, não muito longe dali, Min Jia estava se movendo através do tecido do espaço-tempo.

 

“Ativar!” Gritou ela, então, no instante seguinte, um imenso círculo mágico apareceu.

 

Ele cobria dez trilhões de milhas quadradas.

 

“Selamento de…” As últimas palavras eram inaudíveis, e como Wuhan Xie trouxeram consigo a sensação de divindade.

 

Ao final, milhões e milhões de correntes, feitas puramente de Energia Mental dispararam contra o Dragão Negro.

 

O Dragão destruía dezenas delas, as rasgava com suas mandíbulas poderosas, arrancando com suas garras colossais, desintegrava com seus rugidos de pura energia, todavia, quando mais ele destruía, mais apareciam.

 

Lentamente as forças foram terminando e no instante seguinte, Min Jia disparou para os céus, ela então retornou a forma humana, mas agora ela parecia ser mais velha, como se estivesse em seus trinta anos.

 

Ela olhou para o Dragão Negro acorrentando como se olhasse para um filhote indefeso.

 

Min Jia conjurou uma espada feita de pura Energia, porém, a espada tinha um bilhão de milhas de comprimento.

 

Com um mover de suas mãos para baixo e a espada desceu contra o Dragão, como uma flecha em direção ao seu alvo.

 

Ele foi transpassado e até a Arena foi perfurada, de tal forma que um buraco de fora afora apareceu na estrutura, a qual era conhecida por ser da grossura de uma galáxia.

 

A espada continuou seu caminho, se perdendo na escuridão do espaço profundo, como se estivesse longe de parar.

 

Enquanto isso, o Dragão Negro lentamente se desfazia.

 

Já Lian Mei também estava prestes a resolver sua batalha.

 

Ela conjurou milhares de Espadas de Qi Fogo, reuniu tudo que tinha e trouxe um ataque de proporções absurdas.

 

As Espadas de Qi Fogo eram maiores que algumas estrelas, o poder de cada uma delas era suficiente para transformar em pó um planeta inteiro.

 

Do outro lado, o Dragão Transparente não ficou parado e rugiu, e em instantes, milhões de círculos mágicos apareceram, tão grandes quanto alguns planetas.

 

Após isso, de cada um, um pilar de pura Energia Primal desceu, destruindo cada uma das Espadas de Qi Fogo, todavia, elas era intermináveis, era como se Lian Mei não soubesse o que era esgotamento.

 

Só então que o Dragão percebeu, ele era Energia Primal, mas o Qi Fogo também era parte da Energia Primal, na realidade muito mais fraco, sendo assim, como poderia ela estar se opondo tão fortemente?

 

Uma voz então ecoou em todo o local, como se Deuses estivessem descendo para falar com os mortais.

 

“Não nos subestime… Não somos meros Cultivadores! Eu não uso Qi Fogo, mas sim as Chamas do Renascimento!! Minhas chamas representam o Ciclo Infinito da Batalha entre a Vida e a Morte, o nascer e o morrer, estes segredos estão ocultos nas chamas de uma Fênix! E agora estão comigo!” - Lian Mei.

 

“Eu não uso o Atributo Gelo, eu uso o Gelo Divino, o qual fundamenta as bases de tudo… Ele representa a falta absoluta de qualquer movimento, sendo assim, ele é tão forte quanto a Energia Primal!” - Wuhan Xie.

 

“Eu possuo a Centelha da Energia Mental, uma das Centelhas Divinas, dada a mim diretamente por…” As últimas palavras foram inaudíveis, mas era um fato que Min Jia, nesta forma, parecia saber o que era a Energia Dourada.

 

“Eu sou a Personificação da Vida!! A Energia da Vida fluí por dentro de meus Canais de Qi! Eu sou a Imortalidade! Eu sou a Eternidade!!!!!!” A voz de Chi Ziyun era repleta de poder e soberania, uma deusa entre mortais.

 

Nesse instante, bilhões de trilhões de Espadas de Qi Fogo rugiram contra o Dragão Transparente, porém, diferente de antes, não foram chamas comuns, mas eram tão poderosas que derretiam diretamente o tecido da realidade.

 

Uma imagem colossal tremulou atrás do Dragão Vermelho, idêntica a Lian Mei em seus trinta anos, imponente e sentada sobre um trono de puro fogo, capaz de derreter o tecido da realidade.

 

O Dragão não teve chance e apenas aceitou ser empalado bilhões de trilhões de vezes, de tal forma que ele foi erradicado, por completo.

 

“BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOM!”

 

Uma explosão imensa atirou Chi Ziyun e Le Chang para longe, sendo jogados em frente as outras garotas.

 

Ao longe, a Morte e as Heranças estavam imponentes, ilesas e reinavam soberanos.

 

Os danos que Le Chang causou nas Heranças pareciam terem sumidos por completo.

 

“Le Chang…” Murmurou o Dragão Verde.

 

Ele então retornou a sua forma humana.

 

Ao mesmo tempo os demais dragões desapareceram.

 

No momento seguinte, quatro mulheres, em seus trinta anos, agora de alturas normais, fizeram suas aparições, imponentes como Deusas.

 

“Vocês são até onde elas podem chegar, não é mesmo? Vocês são os Potenciais de minhas Esposas?” - Le Chang.

 

As quatro mulheres, agora com aparência em seus trinta anos, sorriram para ele.

 

“Sim… Porém, parece que ainda não fomos despertadas por completo… Este poder demonstrado agora, não é nem mesmo um décimo de um por centro do que somos capazes…” - Min Jia.

 

“Eu sei… Acha que não percebi vocês segurando-se? Além disso, Chi Ziyun, até quando vai fingir que não terminou sua batalha?” Sorriu Le Chang para ela.

 

“HAHAHAHAHAHAHA!!! Eu sabia! Meu marido até quando jovem é incrível!” A mulher correu até Le Chang e o puxou em um abraço, após isso beijou sua testa.

 

“Fique aqui… Eu cuidarei da Morte… Todavia, as Heranças é com você! Ah! E uma dica… Tenha cuidado com as próximas Batalhas Interiores… Elas serão… Bom, você verá…” Chi Ziyun então simplesmente sumiu.

 

No instante seguinte, uma luz verde intensa brilhou sobre toda a arena.

 

Le Chang levou seus olhos e viu Chi Ziyun flutuando a dezenas de milhões de milhas de altura.

 

Ela tinha um Diadema feito puramente com a Energia da Vida, seus olhos exalavam um poder diferente, como se a vida nascesse dentro de seu olhar.

 

Em sua mão direta, uma pequena árvore apareceu e no outro, um pequeno leão apareceu.

 

“Olhe… Isto é o que representa 0,1% de nossos potenciais…” Ao término de suas palavras, tanto a árvore como o leão expandiram.

 

Eles agora eram tão grandes quanto a própria arena, as raízes da árvore dispararam contra a morte a qual movia sua foice com perfeita maestria, cortando as milhares de raízes que rugiam contra ela.

 

Todavia, ao longe, um rugido poderoso ecoou, o leão abriu sua boca e um selo imenso apareceu logo a sua frente, do qual um pilar de pura Energia da Vida disparou, mas ela era tão condensada que simplesmente destruiu o tecido da realidade por onde passava.

 

A morte se alarmou e trouxe sua foice em um arco vertical para tentar cortar ao meio o pilar, mas as raízes da árvore eram impiedosas e em questão de segundos conseguiram subjugar a própria morte.

 

“Manipulação Existencial: Selamento da Realidade!” As raízes se fecharam completamente ao redor da Morte, transformando-se em um casulo que jamais poderia ser destruído.

 

“Manipulação Existencial: Destruição da Realidade!” - Chi Ziyun.

 

“BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOMMMMMMMMMMMMMMMMMMM!!!!!”

 

O pilar pulverizou a Morte, mas nada fez as raízes da árvore.

 

Porém, o pilar continuou, seu ímpeto jamais cessou e Le Chang pode ver, que muito longe dali, dezenas de pontos luminosos começaram a desaparecer, mostrando que o Pilar tinha a capacidade de destruir milhares galáxias.

 

Então, após destruir completamente a morte, Chi Ziyun flutuou ao lado das meninas novamente.

 

“Cuide de nós… Lhe esperamos no futuro ansiosamente… Nosso amado esposo!” Wuhan Xie disse com um sorriso no rosto e tanto ela como as demais desapareceram.

 

Le Chang sorriu e voltou seu olhar para longe, onde agora estavam Gao Yao e Seiryuu, não mais na forma de um dragão, mas separados.

 

Seiryuu era um Dragão Branco, ele era mais que algumas galáxias e se a Arena não tivesse expandido, ele teria ficado com boa parte de seu corpo fora. Seus olhos exalavam o poder mais profundo que Le Chang havia sentido, abaixo somente do que Chi Ziyun demonstrou.

 

Gao Yao era um Dragão Negro, com tamanho idêntico ao de Seiryuu, a maldade reinava em seus olhos, sua Aura era tão profunda e sinistra, que era como encarar as Portas do Inferno.

 

“Quer ser digno de nos ter como Heranças?!!!!” Rugiu Gao Yao.

 

“Nós lhe aceitamos, mas isto foi os nossos Eu de agora… Ainda falta receber aprovação de nossos passados… Sendo assim, nos vença, e poderá realmente ser chamado de o Deus dos Deuses Dragões e o Deus dos Demônios!” A voz de Seiryuu era puro poder.

 

“Então vocês são Gao Yao e Seiryuu de muito tempo atrás?” - Le Chang.

 

“Ficou com medo garoto?” - Gao Yao.

 

“Nah… Apenas curioso para ver o quão fortes vocês eram… Não me decepcionem…” Disse Le Chang rindo.

 

“Hahahahahahahahahaha!!! Um mero humano ousa dizer tais palavras? Farei você conhecer o que é ter o Título de Deus Demônio!” Ao falar isso, Gao Yao emanou um poder sem comparação.

 

Le Chang caiu de joelhos na hora, seu corpo suava profusamente, seus olhos começaram a ficarem vermelhos.

 

Sangue jorrou de sua boca, seus poros estouraram, suas veias se rasgaram, seus Canais de Qi e Meridianos explodiram, seu Núcleo de Qi foi pulverizado.

 

“Lixo! Não aguentou nem mesmo a presença mais fraca que eu tenho? … Era isso que eu transmitia nas reuniões com meus generais… Afinal só eles podiam sobreviver diante da minha Aura… Bom, vamos terminar isso logo… Vou lhe mostrar a Aura que apenas o meu oponente mais poderoso é capaz de sentir… Vou lhe mostrar a Aura Divina Demoníaca… Sinta-se honrado, poucas pessoas o sentiram, mas ninguém saiu vivo depois disso… Apenas um, um Deus Dragão, mas ele… bom… Morra!” - Gao Yao.

 

Le Chang arregalou os olhos e olhou para cima, ele simplesmente entrou em estado de choque.

 

Suas mãos caíram ao lado de seu corpo, suas lágrimas eram feitas de sangue, seus dentes rangiam e seus joelhos foram quebrados devido à pressão que foram submetidos diretamente contra o chão da arena.

 

Enquanto isso, Seiryuu nada fez, Gao Yao era mais que suficiente para lidar com ele.

 

“Adeus garoto… Você é fraco demais para ser digno de nos ter como Herança… Meu eu de agora é um fraco por se unir com a Personificação da Energia Yin, mas eu, Di Yu? Eu sou o Deus dos Demônios! Suma, pequeno verme insignificante!” Gao Yao rugiu e no instante seguinte, Le Chang foi transformado em pó.

 

 

Nem mesmo suas roupas, ossos e até mesmo seu Qi teve alguma parte sobrevivente, apenas a Aura de Di Yu foi capaz de pulverizar as Energias e Qis dentro do corpo de Le Chang, deixando claro o poder de quem um dia era aclamado como o Deus Demônio, o Deus Dragão do Caos, a Supremacia do Mal.


Autor: Boas Notícias! 

Bom, desde o ano passado eu estava tentando resolver alguns problemas e estavam gigantes, tanto que no mês de fevereiro, março e o começo de abril, as coisas estavam bem difíceis, faculdade, vida pessoal e todo o resto, estavam bem pesados.

No mês de março, eu aumentei o valor dos Capítulos Patrocinados para 50 R$, porque assim eu não tiraria completamente as chances de capítulos patrocinados e também teria uma folga para que eu pudesse me organizar.

Eu estava tão ocupado, estressado e afins, que eu não tinha mais vontade nenhuma de escrever, minha paciência estava no zero. Para terem ideia, até o começo de dezembro, minha média era 1,5 caps escritos por dia, mas até o final de março eu estava escrevendo um capítulo a cada três ou quatro dias. Por isso tive que dar esse tempo nos Capítulos Patrocinados.

Entretanto, as coisas mudaram, EU ESTOU DE VOLTA \O/ 

Sendo assim, a partir de agora, o valor dos Capítulos Patrocinados será novamente de trinta reais. Ainda manterei um máximo de capítulos patrocinados mensais, que agora será de 20! Porém, se tal meta de 20 capítulos for atingida, eu darei 5 Capítulos Extras para vocês! Enquanto isso, eu quero futuramente trazer imagens oficiais dos personagens, eu até já tentei ver isso, contudo, os problemas anteriores não me permitiam ter a devida atenção para tal assunto. 

Bom, não vou me prolongar mais, só quero dizer que estou bem novamente, não 100%, mas chego lá.

Sendo assim, estou postando o Capítulo mais cedo para comemorar isso hahaha! Um abraço a todos, e o Padrim está ai para as doações, quem quiser fazer depósito, pode me chamar pelo privado do Discord ou da Página de Ascensão no Facebook.

Abração a todos e boa leitura!!!

Capítulo Normal do Dia 17/04/2018