Ascensão de um Deus

402 - 2º Grau do Dao Santo

"Isso é para que vocês possam melhorar a força de vocês e de seus subordinados… Como eu disse, a melhor coisa a fazermos é focarmos em nossa força… Foquem em aumentar seus cultivos, já que vocês serão a principal força na guerra que está por vir… Deixem as questões administrativas para a Seita Dragão…" Disse Le Chang sorrindo.

Todos ficaram surpresos e até Lau Mei não pode deixar de ficar espantada.

Era preciso entender, que um Núcleo de Qi de Nível Santo era algo que não se via a milhares de anos neste Planeta e mesmo sabendo que eles existiam ainda era algo raro ver um deles na Associação Intergaláctica de Alquimistas, afinal, que Fera Mágica no Dao Santo estaria por aí esperando ser morta.

Eles rapidamente agradeceram proativamente a ele e as meninas e após mais algumas questões discutidas, a reunião teve o seu fim.

Le Chang e as meninas estavam prestes a sair quando Lau Mei chamou eles.

"Senhor Le Chang… Em relação ao seu pedido de encontrarmos um Sétimo Usuário…" - Lau Mei.

"É mais uma questão de formalidade… Eu tenho várias Armas Épicas de Cinco Refinamentos e algumas de nível ainda mais alto.... Todavia, ainda é cedo para vocês as usarem e nem mesmo eu consigo tirar toda a força dentro delas… Apenas alguém no Dao do Santo Rei consegue retirar 100% do potencial de uma Arma Épica de Sete Refinamentos ou mais… Já para as de Cinco e Seis Refinamentos, apenas alguém no Dao Santo consegue…" - Le Chang.

Lau Mei respirou profundamente, a notícia de que um jovem de vinte e um anos tinha em suas mãos Armas tão poderosas, não era algo que poderia ser ouvido

Após mais algumas trocas de palavras, os dois grupos se despediram, dessa forma o tempo passou.

Finalmente era dia primeiro do primeiro mês do ano.

Le Chang agora estava em seus vinte e dois anos, Chi Ziyun vinte e seis, Wuhan Xie vinte, Lian Mei vinte e quatro e Min Jia vinte e dois.

Lin Bo estava em seus quarenta e sete anos.

Todas as garotas estavam no Pico do Dao Lendário, todas elas estavam no mesmo nível que Lau Mei, todavia, com o arsenal insano de habilidades delas, bem como tendo a Energia Dourada e Habilidades de Deuses Dragões, individualmente, elas eram três vezes mais fortes que Lau Mei.

Lin Bo também estava no Pico do Dao Lendário, mas era quatro vezes mais forte que Lau Mei, sua maestria com as Cinco Transformações da Natureza era insana, ela era descendente de um grande Clã, seu talento jamais havia sido tão bem trabalhado, mas com a Habilidade de Cultivo que Le Chang deu a ela, uma variante do Caminho do Deus Dragão, ela estava evoluindo a passos largos.

Ela era a mãe de Le Chang, estudos dizem que 80% da inteligência do filho é advindo da mãe, ou seja, ela era uma pessoa com uma inteligência singular. Ela era mãe de um jovem com um talento absurdo, ela seria diferente?

De qualquer forma, neste momento, Le Chang estava se preparando para enfrentar sua Segunda Batalha Interior.

Neste momento, ele estava dentro de um grande Salão, onde outrora enfrentou seu potencial.

A frente dele havia cinco seres humanoides, como o Ser Dourado, todavia, cada um deles representava um dos tipos de Qi.

O Ser Cinza era colossal e seu corpo era de um cinza forte, como o mais resistente dos metais.

O Ser Marrom era feito de rochas puras, tão concentradas e sob uma pressão tão grande que era possível ver diamantes se formando em seu corpo a todo momento.

O Ser Azul era como se um oceano inteiro tivesse sido invocado e algo que normalmente ocupava uma grande parte de um planeta, agora era um ser do tamanho de Le Chang.

O Ser Vermelho parecia as explosões que ocorrem nas estrelas, como se uma das labaredas tivesse ganhado vida. O solo sob seus pés estava em um estado líquido e o ar a sua volta se distorcia, devido a temperatura ao seu redor, que beirava os sete mil graus.

O Ser Verde, era feito de videiras entrelaçadas, como se fosse a obra de um mestre artesão. Havia dezenas de folhas verdes como os olhos de Lian Mei, em meio a elas haviam pequenos flores, as quais assumiam dezenas de cores, como se os arco-íris dos céus tivessem nascido daquelas plantas.

Dessa vez, Le Chang não encontrou nada em sua mão, nem seu Anel de Armazenamento nem nada, ele deveria lutar apenas com seu corpo e suas habilidades, sem arma alguma para aumentar sua força.

Além disso, cada um dos Seres ali tinha a força de alguém no 2º Grau do Dao Santo.

Le Chang sorriu e disse.

"Vamos começar!!!" - Le Chang.

Ele condensou uma esfera de Qi Fogo na sola de seus pés e a infundiu com Atributo Ar, fazendo com que uma grande explosão ocorresse, criando um impulso tão poderoso que seu corpo quebrou quarenta vezes a barreira do som.

Seu punho direito estava coberto com a Energia Yang e seu punho esquerdo com a Energia Yin.

Le Chang trouxe seu punho esquerdo diretamente contra o Ser Verde, o qual se moveu tão rápido quanto Le Chang, colocando suas mãos para frente e em menos de um milésimo de segundo um imenso escudo marrom e verde havia se formado.

O impacto entre o golpe de Le Chang e o escudo criou uma onda de choque imensa e as videiras e mesmo as folhas foram incineradas.

Todavia, os outros Seres não ficaram parados, o Ser Azul invocou uma onda maior que uma montanha que se precipitou contra Le Chang.

Este último reagiu conjurando a Cúpula Dourada das Cem Águas Santas.

Então, assim que a água desapareceu, Le Chang apareceu com sua Habilidade Defensiva aos pedaços, mas seu corpo estava intacto.

Nesse momento, o Ser Vermelho conjurou dezenas de esferas de fogo e as atirou de todas as direções contra o jovem.

Le Chang fez uso da Energia Yin e criou pequenas Esferas dela e as jogou contra o movimento do Ser Vermelho, o impacto entre a Energia Yin e o Qi Fogo fez ambas se anularem, mas a primeira era muito mais forte e continuou seu trajeto até acertar o ombro do Ser Vermelho, criando um buraco, o qual não se curava.

"Hmmm… Então os danos neles são permanentes?" Murmurou Le Chang.

Enquanto isso, Gao Yao e Seiryuu não se manifestavam e estavam selados pelo Caminho Marcial, este momento era algo que o jovem deveria enfrentar sozinho, sem a ajuda de mais ninguém.

Dessa forma, a árdua batalha continuou.

Le Chang trocava socos diretamente com o Ser Cinza, mas a força dos socos deste último era pesada demais, era como se Le Chang tentasse esmurrar a ponta de uma faca.

Além disso, seus golpes não faziam nada contra ele.

O mesmo era para o Ser Marrom, sua defesa não era como a do Metal, mas ele tinha a versatilidade de fortalecer uma parte em específica, bem como ele podia fazer montanhas inteiras saírem de seu corpo e se colocarem no caminho dos golpes de Le Chang.

O Ser Verde era extremamente versátil e Le Chang se via correndo para fugir de ser aprisionado por milhares de videiras, tão grossas quanto seus braços e tão rápidas quanto um piscar de olhos.

Já no mundo material, Le Chang estava dentro de uma sala fechada e pequena, ao seu redor era possível ver explosões microscópicas devido ao impacto das Partículas Energéticas de Energia Yin e Yang, que eram condensadas pelas formações do local.

Esferas do tamanho de um grão de feijão, de ambas as Energias, iam para a pele dele e eram absorvidas como uma esponja seca jogada dentro d'água.

Sendo assim, Le Chang ao mesmo tempo que absorvia o Qi, lutava contra as Cinco Transformações da Natureza dentro de seu corpo.

*****************************************

Le Chang conjurou a Espada Draconiana de Atributo Luz e com ela cortava as videiras do Ser Verde, bem como defendia das poderosas ondas que vinham em sua direção.

Em suas mãos esquerda havia um escudo negro, o qual tinha sua temperatura beirando cem graus negativos.

Ele era feito de Energia Yin supercondensada, uma habilidade passada a ele por Gao Yao, a poderosa Habilidade Demoníaca: Escudo do Inferno Gelado Demoníaco.

Dessa forma, ele tinha a versatilidade da Espada Draconiana, que era como uma espada de laser, que cortava as coisas como manteiga e a defesa absurda do frio extremo.

As ondas eram congeladas pelas rajadas frias que partiam do Escudo e as Esferas de fogo eram dispersas imediatamente.

O mais preocupante era o Ser Cinza e o Ser Verde.

Le Chang conseguia lidar tranquilamente com o Ser Vermelho, afinal ele estava acostumado a usar o Qi Fogo, pode-se dizer que era o que ele mais conhecia.

O Ser Azul e o Ser Marrom não eram tão preocupantes, a Água era versátil e diferente do Qi Fogo não buscava a destruição, mas se adaptar ao terreno e se sobrepor, já o Qi Terra era conhecido por seu o facilitador da vida, o alimento da força e diferente do Qi Metal que era apenas defesa bruta, o Qi Terra trazia uma espécie de suporte para os demais Qi.

Porém, o Qi Madeira e o Qi Metal eram como dois lados da mesma moeda, um deles  dono de uma defesa colossal, mas seu corpo era maleável, podendo assumir diversas formas, sendo assim, o Ser Cinza fazia seus braços se tornarem espadas tão afiadas que cortavam o próprio ar, ou martelos imensos capazes de esmagar uma montanha sob seus pés.

O Qi Madeira unia a versatilidade da água, o poder de ataque do Qi Fogo e a defesa do Qi Terra, não era atoa que das Cinco Transformações da Natureza, o Qi Madeira e o Qi Metal eram os mais aterrorizantes.

Eles eram complexos, muito mais que os outros, sendo assim, eram poucos que podiam se regozijar de controlá-los.

Todavia, era Le Chang quem estava enfrentando eles, sendo assim, ele desistiu de usar a Energia Yin e Yang.

"O Ciclo de Geração: A madeira alimenta o fogo, o fogo, com suas cinzas, produz terra, a terra reúne o metal, o metal se aquece (ao se dissolver) a água, a água dá vida à madeira." - Le Chang.

Ele então começou a manipular o Qi dentro deste Salão, ele parecia não ter notado isso antes, mas o lugar era permeado do mais puro Qi das Cinco Transformações, ele então disparou para cada um dos Seres, mas em vez de os atacar, se aproximou para poder controlar o Qi ao redor deles.

Sendo assim, do Ser Cinza ele tirou todo o Qi Terra de seu entorno, do Ser Verde ele retirou todo o Qi Água que havia ali, já do Ser Vermelho ele sugou todo o Qi Madeira, do Ser Azul ele retirou todo o Qi Metal e do Ser Marrom, ele retirou todo o Qi Fogo, dessa forma, ele destruir a cadeia de geração, tirando dos Seres o alimento que promovia a existência deles.

"No ciclo de inibição… Também chamado 'Estrela da Dominação' a madeira se nutre (absorve) a terra, a terra retém a água, a água apaga o fogo, o fogo funde o metal, o metal corta a madeira." - Le Chang.

Então, como se as comportas de uma represa fossem abertas, uma quantidade absurda de Qi Madeira jorrou em direção ao Ser Marrom, Qi Terra foi enviado contra o Ser Azul como se dragões nascessem do solo em direção ao mar.

O Ser Vermelho foi cercado por um denso Qi Água e como se perdesse o oxigênio, o Ser Vermelho começou a sufocar. Já o Ser Cinza foi imerso em uma Qi Fogo extremamente quente e puro, deixando seu corpo vermelho como a lava ardente das profundezas do planeta.

Ali perto, o Ser Verde era atingido por milhares e milhares de pequenos fios de Qi Metal, como agulhas, que lentamente cortavam cada parte do corpo deste ser.

Le Chang então rugiu para os céus e gritou.

"Ciclo da Geração e Ciclo de Inibição!"

Em sua mão direita, apareceu um círculo, feito por cinco Esferas, girando para direita, e no centro deles havia uma Símbolo Yin Yang que girava no sentido horário e como um planeta rodeando sua estrela, um Esfera de Energia Primal girava ao redor de tudo isso, no mesmo sentido do Símbolo Yin Yang.

Na sua mão esquerda, apareceu novamente a mesma formação, porém, tanto as Esferas, como o Símbolo Yin Yang e a Energia Primal, tinham seus movimentos espelhados do de sua mão direita, demonstrando que tanto a Criação como a Destruição, são dois lados da mesma moeda.

Neste momento, todo o Qi dentro do salão desapareceu, os Seres pararam de ser atacados e um a um, se ajoelharam frente a Le Chang.

Ele então se curvou em reverência aos cinco Seres, como se agradecendo pela ótima luta.

Então, os cinco se transformaram em esferas de seus respectivos Qis e dispararam contra o peito de Le Chang, se fundindo permanentemente com ele.

Ele então abriu seus olhos no mundo material e sorriu.

"2º Grau do Dao Santo…" Murmurou ele.


Ontem foi o Dia da Mulher, desculpe o atraso, mas felicito à todas vocês que leem a Novel.

Vocês são incríveis, algumas estão no Discord e tenho o prazer de conversar com elas e sentir que eu consegui criar um ambiente tranquilo na novel para que vocês possam ler.

Meu objetivo com Ascensão de um Deus, apesar do Harém, era mostrar que as Mulheres são poderosas, elas são geniais, elas são capazes e podem ser e fazer o que quiser. Eu queria tirar a sexualização forçada que a maioria das Novels coloca, com uma objetificação ridícula e pejorativa da imagem de vocês.

Então eu quero aqui expressar algumas palavras e dizer a todas, que vocês são lindas da forma que são, são geniais do jeitinho que nasceram e são especiais de uma forma que nem vocês imaginam.

Ontem estava falando com uma amiga minha no caminho de volta da universidade e ela estava um pouco triste, então eu disse a ela algumas palavras e quero deixar aqui para vocês:

"Cada pessoa é unica, podem existir milhões com o mesmo tom de pele, com o mesmo timbre de voz, com a mesma cor de cabelo e olhos, até mesmo com gostos e sonhos parecidos, mas em algum ponto, todos somos diferentes, todos somos singulares e especiais. Se você morrer, o mundo perde algo que jamais terá novamente, nunca existirá alguém perfeitamente igual a você, sendo assim, o que é único, é insubstituível, e o que é insubstituível, não existe dinheiro, tesouros, poder ou o que quer seja que possa pagar por você. Então, sinta-se especial, seja especial, sinta-se feliz consigo mesma e seja o que você quer ser."

Sendo assim, homens, as respeitem, antes de fazer algo, pense em sua mãe, irmãs, tias e avós, não faça para os outros, o que não quer que façam para você, elas são seres vivos, tem sentimentos iguais a vocês, pensem com a parte de cima do corpo, não debaixo.

Um homem de verdade, não é aquele que conquista uma mulher diferente toda a noite, mas sim aquele que é capaz de conquistar uma mulher para toda a vida.

Um grande abraço a todas as Mulheres, vocês são incríveis, o futuro da Humanidade depende de vocês. 

Ass: Calebe Piccoli Camargo.

#MulheresEspeciais #Vocêssãounicas #VivaAscensão