Ascensão de um Deus

374 - Situação no Supremo Continente Shiang

"Como estão as coisas?" - Min Ping.

"Um caos… As Loja do Soberano Revolto e a Loja da Forja do Soberano Desconhecido estão cada vez mais fortes…" - Zong Chen.

"Tsc…" - Min Ping não terminou de falar, já que uma batida a porta da sala o retirou de sua concentração.

"Entre!" Disse Min Ping meio irritado pela interrupção.

"Se… Senhor!" Disse um homem ajoelhando-se na entrada, ele estava no 5º Grau do Dao da Purificação.

"Fale logo… Estou ocupado!" - Min Ping.

"Se… Senhor! As lojas as quais o senhor nos ordenou a manter vigilância fizera alguns movimentos…" - Servo.

"Oh!… Quais movimentos?" Perguntou Zong Chen curioso.

"Patriarca Zong Chen… As duas lojas alteraram seus nomes e fizeram algumas declarações… Um… Um pouco impossíveis…" - Servo.

"Fale logo! Quer que eu arranque seu cérebro e pergunte diretamente a ele?" Min Ping bufava de raiva.

"D… Desculpe… A Loja da Forja do Soberano Desconhecido, mudou para Loja das Forjas Lendárias, já à Loja do Soberano Revolto alterou para Loja das Formações Eternas…. Além disso, as… as duas disseram possuírem pessoas de nível Soberano a sua frente, em ambas as áreas..." - Servo.

"O que?!" - Zong Chen.

"Você tem certeza disso? Um Mestre Soberano em Formações e um Mestre Soberano em Forjas?" Min Ping liberou sua aura sobre o homem e ele seria esmagado rapidamente.

"Senhor! Eu juro! Eu juro! Eu mesmo conferi com meus próprios olhos, quando um dos gerentes fez a declaração publicamente… Primeiro foi a Loja de Forjas e uma hora depois a Loja de Formações fez o mesmo…" - Servo.

O rosto de Min Ping escureceu e ele moveu sua mão atirando o homem para fora da sala e fechando a porta.

Ele se afundou em seu assento e olhou para o alto.

"Isso é… Ridículo…" - Min Ping.

"Desde quando alguém versado em Matrizes e Forja se estabeleceria neste local… Nosso território pode ser rico e próspero, mas está longe de possuir minerais suficientes para uma Forja desse nível… A raridade dos materiais… Eles pagariam o dobro do valor em alguns materiais…" - Zong Chen.

Ele realmente estava certo, o Continente Shiang não tinha a capacidade de comportar lojas desse nível.

O problema era simples, não eram todos os locais que possuíam fácil acesso as matérias-primas necessárias.

Principalmente para a Forja e Formações.

O Supremo Continente Shiang tinha um bom solo e áreas com grandes concentrações de Qi, fortes o suficiente para permitirem o plantio de Ervas Espirituais de Alto Rank, mas, ainda assim, nada além do Rank Singular apareceria por aqui e este tipo de coisa era raríssimo.

Sendo assim, ficava a dúvida, qual a razão? Porque tais lojas vieram para cá? Algum louco que não sabe onde gastar seu dinheiro?

"É estranho tudo isso…" Min Ping falou após alguns minutos em silêncio, como se algo tivesse passado pela sua mente, uma epifania poderosa.

"O que?" - Zong Chen.

"Não são só os nossos Clãs que estão sendo atacados… O Clã Lin está sofrendo grandes perdas em suas Minas e Fazendas… Muito maior do que as nossas… Para cada ataque contra nós, eles recebem o dobro… O problema, é que nós estamos sendo atacados também em nossas Lojas…" - Min Ping.

"O que você quer dizer?… Você está achando que alguém está nos atacando igualmente?" - Zong Chen.

"…. Pense bem…. Nenhum grupo de bandidos atacaria três Clãs Supremos, muito menos empregaria movimentos de alto nível, como destruir a Alma para impedir a análise de suas memórias…. Eles se adaptaram perfeitamente aos nossos pontos fortes…. Nossos espiões disseram que o Clã Lin é atacado em grandes números, diminuindo a disparidade de cultivo através da quantidade no lugar de qualidade…" - Min Ping.

"Hm… Realmente, nossas Linhagens são conhecidas por grande poder defensivo… Nossa aptidão para a Forja é por causa de nossos corpos poderosos… Mesmo as mulheres de nosso Clã têm grande força, mas elas ainda mantém suas belas peles e suas belas feições femininas… Então, os atacantes de nossas Minas e Fazendas, tem feito uso de venenos tranquilizantes, gases desorientadores e fazem uso de técnicas com Raios… Eles estão perfeitamente preparados para qualquer movimento nosso… É como se eles fossem de nossos próprios Clãs…" - Zong Chen.

"Pense bem… Quem teria motivos para fazer isso?… Alguém ligado aos três Clãs?… Quem?… Quem?" Murmurava Min Ping.

Então, após alguns minutos, o rosto de Zong Chen foi tomado por uma expressão sombria.

"Ca Le…" - Zong Chen.

Min Ping rapidamente entendeu o que seu amigo de longa data disse e não pode deixar de repassar os últimos acontecimentos.

"Verdade… Não podemos deixar de notar os movimentos estranhos do garoto.... Mas ele faz parte dos protegidos do Mestre Wong, bem como é um Alquimista Soberano… Nós temos riquezas e terras, mas qual o ganho dele em atacar nossos Clãs?" - Min Ping.

"O tal Mestre dele… Quem sabe não é o Mestre Wong?" - Zong Chen.

"Que?… Não viaja… O Velho Wong é poderoso e inteligente, mas ele não é tão incrível ao ponto de fazer um jovem de vinte e poucos anos se tornar um Alquimista Soberano…" - Min Ping.

"E um Mestre Soberano de Formações…" Murmurou Zong Chen.

"…. Acredito que o tal Mestre realmente exista, mas você não acha estranho ele usar um garoto para fazer o seu trabalho?" - Min Ping.

"…. Vai ver ele não quer sujar suas mãos…" Zong Chen disse um pouco entristecido.

"Pode ser… Mas pense, porque ter tanto trabalho, fazer o garoto lentamente infiltrar suas criações no mercado do nosso continente... O menino então rapidamente disparou sua força como um Alquimista… Recebendo um grande status de Alquimista Soberano… Pense bem… Você não se sente como se estivesse lentamente sendo cercado?" - Min Ping.

"Você tem razão.... Mas, o que você quer dizer com isso? Que não existe Mestre algum e que o garoto inventou tudo? Isso não seria mais irreal ainda? De onde Ca Le tiraria Armas com Presenças Yin Yang?" - Zong Chen.

"Vai ver ele se deparou com algum tesouro antigo… Uma tumba de algum antepassado e encontrou os itens e os começou a vender…" - Min Ping.

"Mas sua neta, Min Lei, não havia dito que havia uma familiaridade entre as Auras das Armas e do garoto? Isso pode explicar a existência de um Mestre…. Pense, se ele passou treinando o garoto, provavelmente ele adquiriu algumas características dessa pessoa…" - Zong Chen.

"…. Sei lá…. Eu só sei que isso está muito estranho…. Os três Supremos Clãs da Cidade Plumas Celestiais sendo atacadas? Somente a Loja do Mestre Wong está intacta e não só não sofre nada, como está crescendo exponencialmente com a notícia de um novo Alquimista Soberano…" - Min Ping.

"…. Ainda tem o tal Le Chang…. Se lembra? O garoto era extremamente versado em Formações…. Sabia usar até mesmo o Selo dos Sete Tetragramas Supressores… Lin Cai obviamente está planejando algo…" - Zong Chen.

"Bom, se for… Os planos dele foram atrasados por alguns meses, talvez anos… Com o caos que está acontecendo no momento, nenhum de nossos Clãs pode se dar ao luxo de atacar um ao outro…" - Min Ping.

"Hm… Que tal marcarmos um encontro com Lin Cai?" - Zong Chen.

Min Ping olhou para o homem e seu olhar era como se perguntasse a ele se a loucura o alcançou.

"Pense bem… Se nós formos falar com ele, por mais complicado que seja, podemos criar uma trégua momentânea, isso facilitaria a resolução desses problemas. As Armas usadas pelos atacantes, vem todas das duas Lojas que apareceram recentemente, sendo assim, se nos unirmos ao Clã Lin, podemos ter poder suficiente para nos livrarmos de ambas…. Dessa forma, o Clã Lin também se beneficia, afinal, ele não conseguirá destruir nossos Clãs se o dele estiver na míngua…" - Zong Chen.

Min Ping pensou por alguns instantes, obviamente ele não estava muito afim da ideia, mas não pode negar que por mais insana que fosse, havia alguma lógica por ali.

"Bom, a ideia é meio louca, mas podemos aproveitar para analisar Lin Cai, faz tempo que não o vemos, podemos analisar sua força e se a algo de diferente…" - Min Ping.

"En! Vou mandar um mensageiro…" - Zong Chen.